BOOKS || Um Céu Além da Tempestade (Sabaa Tahir)

Autor: Sabaa Tahir
Tradutor: Jorge Ritter
Editora: Verus
Série: Sim, livro 4 (série Uma Chama entre as Cinzas)
Temas: Fantasia, Romance, Jovem-Adulto, Magia
Um céu além da tempestade é o devastador volume final da aclamada série Uma chama entre as cinzas.
Em Um céu além da tempestade, após ficarem mil anos aprisionados, os djinns partem para o ataque, dizimando vilarejos e cidades. Mas, para o Portador da Noite, a vingança contra os humanos é apenas o começo.
Ao seu lado, Keris Veturia se declara imperatriz e ameaça de morte todos aqueles que a desafiarem. No topo da lista estão a Águia de Sangue e o que resta de sua família.
Laia de Serra, agora aliada da Águia de Sangue, luta para se recuperar da perda das duas pessoas mais importantes de sua vida. Determinada a impedir o apocalipse que se aproxima, ela se lança à destruição do Portador da Noite. No processo, desperta um poder ancestral que pode levá-la à vitória – ou a uma tragédia inimaginável.
E, nas profundezas do Lugar de Espera, o Apanhador de Almas busca apenas esquecer a vida – e o amor – que deixou para trás. No entanto, fazer isso significa ignorar a trilha de assassinatos deixada pelo Portador da Noite e seus djinns. Para manter seu juramento e proteger o mundo humano do sobrenatural, o Apanhador de Almas deve olhar para além das fronteiras de sua terra. E assumir uma missão que pode salvar – ou destruir – tudo o que ele conhece.

>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<

"Eu despertei no alvorecer de um mundo jovem, quando o homem sabia caçar, mas não cultivar, conhecia a pedra, mas não o aço.”

RESENHA<<<

Chegamos ao livro final de Uma Chama entre as Cinzas, para conhecer os venenos anteriores, clique:
Livro 1 – Uma Chama entre as Cinzas
Livro 2 – Uma Tocha na Escuridão
Livro 3 – Um Assassino nos Portões

Eu estava preparada para uma trilogia, os 2 primeiros livros foram bons e mesmo com alguns momentos em baixo, diria que se o final tivesse sido no anterior, acho que teria terminado em grande estilo. Porém, à medida que fui lendo descobri que o final seria neste, ou seja, teríamos mais um livro para chegarmos ao final e senti que isso prejudicou um pouco esse final.

Neste último livro, a autora trouxe novos personagens e desenvolveu outros (deu ponto de vista) que já havia sido apresentado antes. Foi bom ver o lado de certos personagens ou acontecimentos sob outro ponto de vista, mas não é porque colocamos novos personagens ou mudamos pontos que a concepção ficou boa.

Teve muita coisa mal desenvolvida ou corrida para chegar ao final que a gente meio que já esperava (tinha muita coisa já desenhada desde o 3). Hoje, tenho a sensação de que seria um livro só, mas a autora quis esticar e acabou não sendo tão bom quanto poderia. Algumas situações foram arrastadas e de certa forma cansativas, não diria para retirar, mas dá uma resumida e deixar o essencial, teve momentos que a gente já tinha entendido sobre dor, sofrimento e tristeza (é uma guerra, nunca vai ser feliz), então não precisava voltar e repetir plots.

Teve alguns finais que eu não concordei e não vi nenhum sentido/explicação (ou foram mal explicados mesmo). Alguns personagens mereciam muito mais e passaram batidos ou durante toda a série foram superexaltados e o fim foi um simples plot, morreu. Sem nada demais.

Fico feliz de terminado mais uma série para o blog, mas também um pouco desapontada, pois os 2 primeiros livros me empolgaram bastante, mas o final ficou um pouco a desejar. Mas, se você chegou até aqui, sugiro ler e terminar a série.

Share:

0 comentários