BOOKS || A Lista de Convidados (Lucy Foley)

Autor: Lucy Foley
Tradutor: Maria Carmelita Dias
Editora: Intrínseca
Série: Não
Temas: Comportamento, Suspense, Mistério, Romance
Autora do best-seller A última festa volta com suspense impossível de largar sobre uma festa de casamento da qual nem todos os convidados sairão vivos.
Em uma ilha afastada na costa da Irlanda, convidados se reúnem para celebrar uma união de dar inveja. O noivo, bonito e charmoso, é uma estrela de TV em ascensão. A noiva, elegante e ambiciosa, é editora da própria revista. A festa de casamento é um reflexo de suas personalidades: vestido e terno de grife, localização remota e exclusiva, decoração luxuosa, uísque da melhor qualidade. Tudo rigorosamente planejado.
Mas a perfeição só existe mesmo nos planos. E o perigo mora nos detalhes. À medida que as garrafas de champanhe estouram e a festa avança, o ressentimento e a inveja começam a se sobrepor à alegria e aos votos de felicidade. E então uma tempestade desaba com fúria sobre a ilha, e esse é só mais um motivo para abalar os ânimos já alterados.
Depois de uma abrupta queda de luz no meio da festa, a garçonete anuncia aos convidados que um corpo foi encontrado. Isolados e aguardando a chegada da polícia, apenas uma coisa é certa: o assassino é uma das pessoas presentes no evento.

>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<

"Em um segundo, tudo fica escuro.”

RESENHA<<<

Olá pessoas queridas, espero que estejam todos bem, com saúde e se cuidando. 

Hoje venho falar do livro A lista de convidados de Lucy Foley, mesma autora de A Última Festa.

Bom, todos que me conhecem sabem que eu curto muito o gênero, e sempre que sai algo assim, eu fico bem curiosa para ler. A história é bem construída e apesar de demorar a desenrolar um pouco, eu apreciei bastante. 

Tudo se desenrola em uma ilha afastada na costa da Irlanda, onde alguns convidados se reúnem para uma festa que tem tudo para ser "a festa"; com um planejamento minucioso, em dado momento ocorre uma queda de luz e um corpo é encontrado e aí o jogo começa! Pois imagina estar isolado em uma ilha, com um corpo, aguardando a chegada da polícia e sabendo que alguém na festa é um assassino?! 

Eu amo histórias que intercalam os pontos de vista dos personagens e foi exatamente assim que se deu o desenrolar dessa história em uma mistura de perspectivas, usando histórias mais antigas e recentes dos personagens para nos contar o que está acontecendo. 

Uma fórmula difícil de dar errado! 

Recomendo! 

 


Share:

0 comentários