BOOKS || Destinos Divididos (Veronica Roth)


Autor: Veronica Roth
Tradutor: Petê Rissatti
Editora: Rocco
Série: Sim, livro 2 (série Crave a Marca)
Temas: Jovem-Adulto, Ficção, Espaço, Aventura
As vidas de Cyra Noavek e Akos Kereseth são regidas pelas fortunas reveladas no momento do nascimento. O destino prevê caminhos opostos para os dois, mas, em uma galáxia regida pela vingança, onde a opressão e a violência permeiam as vidas dos moradores dos nove planetas, Cyra e Akos descobrem uma força inesperada ao se unirem. O mesmo destino que os colocou juntos, no entanto, é o que faz de tudo para separá-los.
Na segunda e última parte da história que mistura fantasia e ficção científica, Veronica Roth, autora do best-seller
Divergente, oferece mais detalhes do mundo de Cyra e Akos e explora as consequências da intriga política para a intricada rede de personagens que compõem a galáxia apresentada no livro Crave a Marca. Em Destinos divididos, o conflito que atinge a galáxia se desenrola sob quatro perspectivas, que intercalam diferentes vozes em uma narrativa repleta de esperança e resiliência.

>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
"– Por que tanto medo? – perguntamos a nós mesmos."

RESENHA<<<
Continuação/final de série, para saber os venenos do anterior, clique:

Confesso que nem sabia que esta série, seria na verdade uma duologia, mas ainda bem que foi, pois não acredito que teria folego para ler mais um livro. Afinal, fiquei empacada nesse aqui durante muito, muito tempo. E só quando fui procurar mais informações sobre a saga que percebi que seria o último, aí resolvi ‘terminar’ de vez.

Não sei onde deu errado nessa história, já que gostei bastante do anterior, acho que as coisas aqui ficaram muito paradas e dramáticas e isso depois de algumas páginas cansou um pouco, a leitura antes dinâmica e cheia de pequenas reviravoltas e ação foi pouco a pouco se transformando numa coisa de drama adolescente e em alguns momentos personagens sem noção. Foi cansativo acompanhar Cyra e Akos na sua jornada.

A saga terminou bem morna e aquém do que poderia ter sido, alguns personagens que antes pintados como ‘o tal’, nesta continuação nem pareciam a mesma pessoa, como se tivesse sofrido uma lavagem cerebral e agora tivessem outra personalidade. Muitas coisas não se conectavam, a sensação foi ler 2 livros completamente diferentes.

Infelizmente, acredito que a autora poderia ter se esforçado mais no primeiro livro e ter terminado a história lá de forma clara, bonita e de forma intensa. Quando ela opta por uma continuação, não conseguiu segurar a história já desenvolvida antes e a qualidade cai bastante, quase ouso dizer que foi um livro ‘vamos fazer porque vendeu bem e queremos ter uma série’ do que realmente a história precisasse ser dividida, mas fazer o quê?!

Para comprar:
Destinos divididos (Crave a marca Livro 2)

Share:

0 comentários