BOOKS || Um Apartamento em Paris (Guillaume Russo)


Autor: Guillaume Musso
Tradutor: Simone Delahontt
Editora: L&PM
Série: Não
Temas: Aventura, Romance, Suspense, Mistério
A arte é uma mentira que diz a verdade
Paris, um ateliê escondido no fundo de uma alameda sem saída.
Madeline – uma jovem policial inglesa – alugou-o para descansar e se isolar do mundo. Ela chega numa tarde chuvosa. Logo após se instalar no tão sonhado refúgio parisiense, tem uma enorme surpresa: há um homem no apartamento. Eles se encontram, perplexos. Ela, recém-saída do banho, seminua enrolada numa toalha. Ele, desconcertado e furioso, chama-se Gaspar, um escritor americano solitário e mal-humorado que decidira recorrer à solidão em Paris para escrever. Um erro da imobiliária faz com que essas duas pessoas completamente diferentes sejam obrigadas a coabitar por alguns dias.
O ateliê havia pertencido ao célebre pintor Sean Lorenz e ainda mantém a magia de um verdadeiro templo onde foram criadas obras de arte inesquecíveis e cobiçadas pelo mercado internacional, inclusive três quadros que desapareceram misteriosamente após a morte do pintor, ocorrida um ano após o assassinato de seu filho.
Fascinados pelo gênio do pintor, Madeline e Gaspar decidem unir forças para tentar recuperar as telas, reputadas como extraordinárias. Mas para isso eles vão ter que enfrentar seus próprios demônios, numa investigação dramática que vai transformar suas vidas para sempre.
>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
"Londres, sábado, final da manhã."

RESENHA<<<
Já conhecia o autor de nome, mas nunca tinha lido nada dele. Confesso que nem li a sinopse para saber exatamente do que se tratava. Só li “Paris” e meio que já pensei em algo romântico e cai do cavalo bonito...rs

O livro se trata de um thriller que tem muitas nuances, começando em Paris e percorrendo alguns locais na Europa e com um grand-finale nos EUA, a história realmente me prendeu e eu só queria ir até o fim para saber mais.

Tudo começa com um ex-policial e um autor que alugam o mesmo apartamento em Paris, ele para ficar sem tempo imerso para escrever seu novo romance e ela quer descansar e fugir de algumas situações bizarras da sua vida. Mas ninguém merece ter ‘overbook’ em um apartamento...rs, esse início já é bem louco e divertido de ver os dois brigando pelo lugar.

Mas tudo muda, quando eles descobrem a história do dono do apartamento, um pintor famoso, bem controverso, intrigante, porém com uma vida triste. Ele perdeu o filho, a esposa o largou, situações bizarras ao longo da vida e um certo suspense sobre o que pode ter acontecido de verdade com ele e com algumas obras escondidas.

Gostei da narrativa, das citações, das briguinhas entre os dois, das descrições de Paris e outras cidades mostradas. Bem como a localização dos mesmos e seus sentimentos.  Existem algumas citações e referências dentro da história, coisas que acho muito válida e legal.

O livro me prendeu bastante, teve umas reviravoltas e o final me surpreendeu. Foi uma leitura surpresa e agradável depois de uma sequência de leituras simples. Super indico.

Share:

0 comentários