BOOKS || Magia Explosiva (Ilona Andrews)


Autor: Ilona Andrews
Tradutor: Suria Scapin
Editora: Universo dos livros
Série: Sim, livro 1 (série Hidden Legacy)
Temas: Fantasia Urbana, Magia, Erótico
Nevada Baylor enfrenta o caso mais desafiador de sua carreira como detetive particular: uma missão potencialmente mortal para apreender um suspeito em situação volátil. Seu alvo é um Superior, o grau mais elevado de usuário de magia, que pode botar fogo em qualquer pessoa ou coisa.No entanto, Baylor não é a única no encalço desse perigoso indivíduo…
Lançada à perseguição, Baylor é sequestrada por Connor “Louco” Rogan – um obscuro e tentador bilionário com poderes igualmente devastadores. Dividida entre seu desejo de fuga e o de se render a essa atração arrebatadora, ela precisará juntar forças com Rogan para permanecer viva, depositando sua confiança em um homem desconhecido e perigoso, que desperta nela um desejo ainda mais arriscado.
Rogan, por sua vez, precisa da detetive para alcançar seu alvo – o Superior pirocinético Adam Pierce. Mas, para que ambos atinjam seu objetivo, precisarão enfrentar uma rede de interesses, família poderosas e armadilhas mortíferas. Louco Rogan e Nevada Baylor precisarão, para tanto, fazer concessões e aprender que o amor pode ser tão arriscado quanto a morte – especialmente em um mundo permeado de seres e de circunstâncias mágicas
>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Eu o vi.”

RESENHA<<<
Ainda não sei dizer o que senti com este livro, foi uma relação amor e ódio. Acredito que não amei tanto a escrita da autora neste livro e tive dificuldades de acompanhar, em alguns momentos lia muito rápido e em outros li bem devagar (quase largando algumas vezes).

Com uma pegada na magia/fantasia urbana, o livro traz 2 personagens centrais – Nevada e Rogan, ela é um detetive e ele é um louco com poderes que não mede esforços para ter o que quer. Claro, que eles serão O casal, mas as cenas de sexo eram muito 8 ou 80, ou eram super legais e bem escritas ou parecia que eles tinham 15 anos e faziam/falavam coisas nada a ver. Teve muita coisa desnecessárias.

Mas destaco a avó de Nevada – Frida, por quem realmente morri de amores e suas tiradas, frases, ações e sacadas são as melhores. Sério, já quero um livro só dela e pode acabar o restante da série...kkkk

Os eventos, as situações e de certa forma as interações dos outros personagens durante o desenrolar da história tem uma mistura de acelerado demais em algumas partes, faltando mais informação, mais desenvolvimento, mais profundidade... com uma embromação de coisas desnecessárias que são colocadas e não acrescentam em nada e só deixa o leitor querendo passar as páginas.

Não sei se me empolgo para ler os próximos (afinal é uma trilogia) ou paro nesse e vamos tentar outra coisa, pois nem o final me deixou ansiosa por mais. Imaginei algo mais ‘tchan’ visto a idade dos protagonistas, mas não tive sorte nessa série, vamos ver mais para frente quando o livro 2 sair (se ele sair...)

Share:

2 comentários

  1. Oi, Andy!
    Que pena que o livro não foi aquele "Uau".
    Confesso que nem me animei a começar a trilogia!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se quero continuar a leitura, vamos ver qdo o 2 sair...rs

      Excluir