TRIP || Dicas de Viagem (Mala de Mão)


E quem não ama viajar? Conhecer o mundo, culturas, visitar locais maneiros e tirar ótimas fotos. Mas, antes disso tudo se tornar verdade, eis que surge um grande problema – a mala de viagem. Como colocar o seu guarda-roupa numa malinha mesmo que seja para passar alguns poucos dias? E o shampoo? Cremes? E a maquiagem? Não que os homens não possam ter este tipo de problemas – com a mala quero dizer, mas nós, mulheres sofremos mais.

A dica é viajar com a mala de mão. Aliás, deixa eu contar um segredinho... aqui na Europa, as lowcosts só deixam viajar com uma mala de mão (as vezes você consegue levar uma mochila também, mas as cias aéreas já querem diminuir isso e claro, fazer você pagar a mala despachada). A verdade é que os preços super cools daqui só acontecem porque tudo é cobrado a parte. Então, para economizar, a boa é aprender a máxima do “menos é mais...”

Confesso que é difícil arrumar uma mala de mão eficiente e prática, leva tempo, e a gente sempre aprende aos poucos. Tudo a gente acha que vai ser indispensável e aos poucos descobrimos que não é bem assim., mas lembrando, você não está no meio do deserto ou da geleira, podemos comprar algo que foi esquecido ou achamos que não ia precisar. E a boa da mala de mão para viagens é pensar em roupas para até 10 dias e depois ir na lavandeira, você passa a ter tudo limpo e começa a usar de novo.

Outras vantagens da mala de mão:
*não precisa se preocupar se a mala vai chegar no destino;
*se precisar pegar transporte público ou andar com a mala pelas ruas é mais tranquilo (principalmente se tiver que subir escadas);

Vamos as dicas:

1. Faça uma lista:
Antes de tudo, descubra como está seu destino – sol, chuva, vento, neve? Isso vai fazer com que você selecione as peças certas. E peças certas significam peças que combinam entre si. Se quiser ir mais além, faça looks. Geralmente a ideia básica é: fazer um conjunto (calça + blusa) para cada dia que vai viajar. Depois que escolher essas roupas, começa a parte de realmente selecionar o que vai e o que fica. As calças jeans, podemos usar mais vezes, mas com as blusas é difícil usar 2 dias seguidos (principalmente no verão). Tecidos leves, fáceis de lavar e secar são boas soluções.

2. Limitar a quantidade de sapatos:
A não ser que você esteja indo para festas ou coisas do tipo, a verdade é que você não vai usar mais do que 2 sapatos, por isso, meus amigos inseparáveis hoje são: meu chinelo, um tênis e dependendo para onde vou ou como está o clima, uma bota (frio) ou uma sandália/sapatilha (verão). O lance aqui é conforto, pelo amor... nada de colocar aquele sapato/tênis/bota nova para viajar, você vai andar bastante e seus pés ainda não se acostumaram com o calçado.

3. Embalagens pequenas:
Nas malas ou mochilas de viagens, o máximo que podemos levar é 100ml e numa embalagem transparente separada. Até porque vamos ser sinceros: se você leva quase 2 meses para usar aquele creme ou shampoo de 200ml ou mais, não vai ser em 10 dias que você vai usar uma embalagem grande. Compre estes kits de viagens e coloque seus cremes (não todos, só os mais importantes), shampoo + condicionador.

4. Assessórios necessários e que combinem entre si:
Infelizmente, essas coisas vão ficar repetidas nas fotos, mas não tem necessidade de trazer 2 relógios ou um colar para cada dia ou mesmo brincos, o ideal é pensar em 1 brinco/colar/pulseira para cada 3 dias e colocar em pequenas caixas, se forem muito grandes nem entra na mala e se o colar só combina com um único look, nem preciso dizer que ele está fora da mala.

5. Bolsinhas para empacotar as coisas:
Não sei como é o nome dessas bolsinhas (tenta algo como cubo de viagem), mas são um kit que geralmente vem 5 bolsinhas com diversos tamanhos, elas são ótimas para organizar a mala e você sabe exatamente onde está o quê. Assim se você precisar pegar algo, é só abrir a mala, pegar a bolsinha, retirar a roupa/objeto, fechar e colocar de volta na mala.

Tem também o saco à vácuo, mas o problema é que quando abre, é complicado para fechar (demanda aspirador), indico se for levar casaco. Mas para viajar no dia a dia é complicado. Agora, na volta da viagem, você quiser colocar tudo no saco à vácuo, também é uma dica.

6. NÃO traga o secador:
Na maioria dos hostels, hotéis e airbnb tem secador, então é um peso desnecessário. Agora quanto a pranchinha, se você pode viver sem durante uns 10 dias, não traga, se for indispensável, aconselho você a comprar uma daquelas pequenas para viagens.

7. Venha de mochila:
Quando comecei a viajar, comprei uma malinha de mão (aquelas que a gente trazia coisas como máquina de foto, ipad, kindle e coisas assim) ela era linda, mas infelizmente cabia pouca coisa e contava como uma peça. Aí aprendi a viajar de mochila. Coloco tudo nela, até mesmo meus documentos e claro, mais algumas roupas. As vezes quando a viagem é curta – uns 4 dias, viajo apenas com a mochila e olhe lá. Esquece bolsinha tiracolo, ou uma mochila pequena, use as normais mesmo. Algumas cias aéreas permitem uma mala de mão e uma mochila, então use todos os espaços disponíveis. Confira os tamanhos permitidos tanto da mala quanto da mochila para não ter problemas!!!

 

8. Repita o casaco:

As vezes brinco que só tenho um casaco, já que o coitado sai em quase todas as fotos, mas ele é bom, quentinho e é pau para toda obra, então praticamente sempre viajo com ele. Isso é algo que vai acontecer, não adiante pensar em muitos casacos numa viagem curta. Infelizmente o casaco ocupa muito espaço na mala.

 

9. Shopping:

Atire a primeira pedra quem nunca comprou nada quando viajou, até mesmo quando a gente não quer, acabamos comprando, então nada de trazer uma mala estufada e super no limite, pois você não vai conseguir comprar aquela blusinha luxo que viu na vitrine em alguma loja ou qualquer pechincha em mercadinhos pelo mundo. Vai por mim, a gente sempre vai comprar alguma coisa, então trazer seja a mala ou a mochila mais ‘leve’ é bom para colocar essas coisas adquiridas na viagem.


Prometo fazer um vídeo com as coisas que levo em viagens curtas (entre 4 a 7 dias) e o que levo para minhas viagens. Se você tiver mais dicas de como economizar espaço na mala, coloque nos comentários.

Share:

2 comentários

  1. Oi, Andy.
    Estou amando os seus posts sobre viagens!
    Eu amo viajar e aprendi a ser super econômica com minhas malas! Adoro comprar coisas em viagens e sempre levo o mínimo do mínimo para ter espaço para as comprinhas!
    Suas dicas foram certeiras! Uma coisa que funciona bem para mim é enrolar as roupas. Ao fazer rolinhos com as camisetas, elas ficam super acessíveis, não amassam tanto e ocupam muito menos espaço do que simplesmente empilhadas!! E claro, camisetas leves de dryfit que secam rápido são tudo de bom, porque podem ser lavadas no banho, secam à noite e podem ser usadas de novo no dia seguinte!! kkkkk
    Fico feliz que esteja aproveitando bem a sua estada por aí!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui precisa ser prático, pq quase não se pode levar mala e qdo se despacha é aquele susto. Essa dica dos rolinhos é um amor, aquele livro da Kondo é perfeito para isso...

      Excluir