POISON SERIES || Informações


Todos os meses eu falo de algumas séries que estrearam e o que podemos esperar delas. Mas vamos combinar são MUITAS SÉRIES que fazem debut, ou seja, por mais que eu curta acompanhar as séries e mostrar o que esperar em algumas delas, passa a ser impossível fazer isso com todas as que sai e seria injusto só falar de algumas (as que vi).

Neste mês farei diferente, selecionei algumas que acabaram de começar e conto se me motivou ou não a assisti-la e porquê. Vai que você curta? Só porque uma série não faz meu tipo, não quer dizer que todos irão odiar.

Lápis e papel na mão e vamos começar!!

PREACHER – AMC
Preacher acompanha a história de Jesse Custer, um ex-pastor texano em conflito que acaba possuído por uma força espiritual fugitiva do céu chamada Genesis, a qual confere a ele o poder de fazer com que qualquer um o obedeça. Acompanhado de sua ex-namorada Tulipa e o vampiro irlandês Cassidy, Custer vai atrás de Deus a fim de encontrar as respostas que procura.

GREENLEAF – OWN
Criada por Craig Wright (Six Feet Under), a história apresenta a trajetória da vida da família Greenleaf, liderada pelo pastor James (Keith David, de Community) e sua esposa Mae (Lynn Whitfield, de Heartbeat).
Os Greenleaf controlam uma igreja que se tornou um centro comunitário reunindo centenas de membros fiéis, predominantemente afro-americanos, na cidade de Memphis, no Tennessee. Mas por trás dos discursos de fé ocorrem diversos escândalos, os quais revelam a ganância, o adultério e a rivalidade entre irmãos, que atingem não apenas a família, mas também os membros da igreja.A história tem início quando a pastora Grace (Merle Dandrige, de The Night Shift), filha de James e Mae, retorna à cidade após vinte anos ausente, para o funeral de sua irmã Faith.

OUTCAST – Cinemax
A história acompanha a jornada de Kyle Barnes (Patrick Fugit, de Full Circle), um jovem pastor que desde criança vem sendo atormentado por possessões. Tentando encontrar uma resposta para seus problemas, ele inicia uma jornada espiritual, a qual lhe revela que o fim da humanidade pode estar próximo. Kyle é filho de Sarah Barns (Julia Crockett), que sofreu durante anos de problemas mentais, tornando a vida do filho um inferno. Agora ele acredita que os problemas da mãe podem ter sido de origem sobrenatural.

>>>Dispensei de assistir as três séries acima por um único motivo – IGREJA, e os enredos são bem parecidos, resolvi deixar de lado coisas polêmicas e/ou que irão me fazer passar raiva, por isso vamos deixar para lá.

UMBRE – HBO
Série romena de drama e humor negro que acompanha a vida de Relu (Serban Pavlu), que leva vida dupla como taxista e cobrador de dívidas e pau para toda obra da máfia romena.
Depois de matar acidentalmente um homem, ele passa a sofrer uma crise de consciência, que o leva a tomar a decisão de deixar a vida do crime. Mas nem tudo sai conforme o planejado.

>>>Apesar de as vezes querer assistir séries não americanas, a sinopse desta não me convenceu. Não diria que vou simplesmente descarta-la, mas não é prioridade para assistir.

QUEEN OF THE SOUTH – Usa
 Estrelada pela brasileira Alice Braga, a história acompanha a vida da mexicana Tereza Mendoza, uma mulher que precisa fugir do país quando seu namorado Guero, um traficante, é assassinado. Agora morando nos EUA, ela coloca em prática um plano para acabar com o cartel de drogas que a persegue. Neste meio tempo, ela se torna sua nova líder.

>>>Não assisti Narcos (me matem), mas tenho lido boas críticas com relação a série, ela está na lista e como já tem alguns episódios, vale para fazer mini maratona se for o caso...rs

FEED THE BEAST – AMC
A história gira em torno de dois amigos com personalidades opostas. Um deles é Tommy Moran (David Schwimmer, de Friends, American Crime Story), um viúvo especialista em vinhos que tem um filho pequeno para criar. O outro é Dion Patras (o inglês Jim Sturgess, de Close to the Enemy), um Chef que tem problemas com a Máfia e com a lei. Juntos, eles decidem realizar um antigo sonho: abrir um restaurante.
Para tanto, eles estão dispostos a trair, manipular, coagir e apunhalar pelas costas quem quer que cruze seu caminho. Para Tommy, o restaurante significa dar ao filho a vida que ele não teve; para Dion, o empreendimento é a oportunidade perfeita para pagar sua dívida com a máfia.

>>>Ainda não sei o que pensar desta série, achei a sinopse interessante, mas tenho ressalvas. Ainda não assisti, mas ando acompanhando as críticas. De repente mais para frente dou uma chance.

ANIMAL KINGDOM - TNT
Animal Kingdom é um drama familiar que adapta o filme de Liz Watts, de 2010. A história acompanha a vida de Josh (Finn Cole), um rapaz de 17 anos que vai morar com parentes em uma cidade do Sul da Califórnia, depois que sua mãe morre de overdose. Aproveitando o melhor que a vida tem a lhe oferecer, ele descobre que a fortuna da família foi conquistada através de atividades ilegais.

>>>Não curti a sinopse, simples assim.

BRAINDEAD - CBS
Mesclando comédia com terror, suspense, política e ficção científica, a história acompanha a vida de Laurel (Mary Elizabeth Winstead, de The Returned), filha de um democrata que se afastou de Washington para se tornar uma documentarista. Mas, quando seu irmão Luke (Danny Pino, de Cold Case), um Senador, precisa de apoio político, ela retorna à cidade para trabalhar no Congresso.
Lá, ela descobre que alienígenas comeram o cérebro de uma boa parte dos congressistas e funcionários do poder público, o que levou a uma total paralisação do governo.

>>>Essa série tem uma pegada meio doida, gosto de ficção cientifica e acredito que irei dar uma chance em breve para ela.

DEAD OF SUMMER – Freeform
Criada por Adam Horowitz, Edward Kitsis e Ian Goldberg, todos de Once Upon a Time, a série é um drama de terror voltada para o público adolescente. Cada temporada narrará uma história diferente.
A primeira temporada é situada em um acampamento de verão no final da década de 1980, onde ocorrem os primeiros relacionamentos amorosos de um grupo de adolescentes, bem como suas primeiras mortes. Ao longo da temporada, uma antiga lenda do local desperta, transformando as férias de verão desses jovens em uma experiência assustadora.

>>>Não sou uma fã de terror, mas lendo a sinopse me lembrou um pouquinho American Horror Story numa versão mais light. Vou deixar de stand by, vai que alguma dia fique sem nada para ver?

WRECKED - TBS
Wrecked é uma comédia criada por Justin Shipley, Jordan Shipley e Jesse Hara. Descrita como um cruzamento entre Lost e It’s Always Sunny in Philadelphia.
Na história, após um acidente aéreo em uma ilha remota, dois amigos e um grupo de sobreviventes precisam se adaptar ao ambiente, que oferece diferentes tipos de ameaças. Esta experiência se torna uma oportunidade para que Danny (Brian Sacca) e Owen (Zach Cregger, de About a Boy) se tornem as pessoas que eles sempre desejaram ser. Desprovidos de qualquer tipo de conexão com o resto do mundo, eles se tornam os líderes de uma sociedade sem redes.

>>>Vamos esquecer Lost e partir para uma coisa nova... 

STLL THE KING – CMT
Criada e estrelada por Billy Ray Cyrus, a sitcom acompanha a vida de Vernon Brown, um ex-cantor country que, após vinte anos no ostracismo, reaparece em Laughlin, Nevada, como o segundo melhor imitador de Elvis Presley.
Mas sua vida sofre uma nova reviravolta quando ele é preso por embriaguez e arruaça, sendo sentenciado a prestar serviços comunitários em uma igreja. Sem perspectivas, ele acaba assumindo a identidade do novo pastor da congregação, onde descobre ser pai de Charlotte (Madison Iseman) uma menina de quinze anos de idade.
Charlotte é filha de Debbi Lynn Cook (Joey Lauren Adams, de United States of Tara, Switched at Birth), com quem Vernon passou uma noite. Atualmente, Debbi vive com o namorado desempregado Ronnie (John Sewell). No elenco também estão Travis Nicholson, Isiah Whitlock Jr. (Rubicon, Lucky 7), Sunny Mabrey (The Client List), Jeremy Childs (Nashville), John Newberg,Chelsea Talmadge e Big Mike Griffin.

>>>Tenho muito problemas com essas sitcoms, algumas morro de amores, mas a grande maioria acho bem chata e acabo desistindo, como vai misturar com tema Igreja, vou passar.

CLEVERMAN –
Criada por Kylie Du Fresne, com base em uma ideia de Ryan Griffen, a história é inspirada na lenda aborígene de Gamilaraay e Bundjalung, povos que vivem no nordeste da Austrália.
A trama é situada no futuro próximo, no qual os humanos convivem com os ‘cabeludos’, criaturas dotadas de super força, velocidade, saúde e consciência metafísica e capazes de viver por mais de duzentos anos. Quando uma série de assassinatos violentos começa a aterrorizar a população, a culpa recai sobre os cabeludos. Neste meio tempo, Koen (Hunter Page-Lochard) e Waruu West (Rob Collins), dois irmãos que há muito não se viam, se unem para tentar acabar com os ataques. Um deles é um Cleverman, ser que tem o poder de unir as duas raças (humana e criaturas).

>>>Tenho que voltar a assistir mais sci-fi, na minha atual grade, eu ando fugindo desse tipo de série (ou não me agradou ou simplesmente deixei de assistir).

HUNTERS – Syfy
Na história, uma mulher desaparece na noite sem deixar rastros. Todos acreditam que ela tenha ido embora por vontade própria. Seu marido, Flynn Carroll (o australiano Nathan Philips, de The Bridge US), um agente do FBI, é o único que não acredita nesta versão. Determinado a encontrá-la, ele inicia uma investigação. Fazendo um levantamento de casos parecidos, ele chega à conclusão de que alguém está sequestrando estas pessoas e fazendo parecer que elas foram embora. Suas investigações chamam a atenção da ETU – Exo Terrorism Unit, um grupo secreto do governo especializado em capturar assassinos e terroristas que podem ser representantes de uma raça alienígena. Assim, ele se une à Regan (Britne Oldford, de American Horror Story: Asylum, The Flash), uma das agentes. No elenco também está Julian McMahon (Nip/Tuck) como McCarthy, um desequilibrado e viciado em drogas, líder de uma das células terroristas.

THE NIGHT OF – Minisérie (HBO)
A história acompanha o caso de Nasir (Rizwan Ahmed), um jovem americano de origem paquistanesa acusado de matar uma mulher. Jack Stone (Turturro), um desleixado advogado de ‘porta de cadeia’, se apresenta como seu defensor. Ao longo da minissérie, o público acompanha as investigações realizadas pela polícia, bem como o desenvolvimento do processo, que fará uma análise dos sistemas jurídico e penitenciário.

AMERICAN GOTHIC – CBS
A história acompanha a vida de uma família da alta sociedade que ainda sofre com a morte de seu patriarca. Mas o choque maior ainda está por vir. Logo descobrem que o falecido pode ter sido um assassino em série. Enquanto tentam lidar com a informação, surge a suspeita de que alguém da família pode ter sido seu cúmplice.


Bom, são 15 novas opções para vocês.
Todas as séries aqui apresentadas já estrearam, algumas a temporada já está chegando ao fim e outras estão no início (episódio 3 ou 4), portanto, ainda dá para correr atrás do prejuízo.

Não entrei no mérito das séries da Netflix, porque é um mundo aquilo e lá vocês conseguem praticamente ver a temporada toda de uma vez só, mas em breve falarei de algumas que me chamaram atenção.

Me contem quais vocês ficaram impressionados para assistir e quais vão deixar para lá. Caso esteja vendo algumas delas, me contem também. Sei que é diferente ler a sinopse e ter um ‘feeling’ a respeito da série e realmente assistir e opinar pelo menos no primeiro episódio.

>>> Já conhece as outras redes sociais do blog? Clique e seja bem-vindo <<<

Share:

0 comentários