POISON BOOKS || Fração de Segundo (Kasie West)

Autor: Kasie West
Tradutor: Flávia Souto Maior
Editora: Seguinte
Série: Sim, livro 2 (série Encruzilhada)
Temas: Jovem-Adulto, Comportamento, Ficção,
SINOPSE: Por causa de sua habilidade paranormal, Addie é capaz de Investigar seu futuro sempre que se depara com uma escolha, mas isso não torna sua realidade mais fácil. Depois de ser usada pelo namorado e traída por Laila, sua melhor amiga, ela não hesita em passar as férias com o pai no mundo Normal. Lá ela conhece Trevor, um garoto incrivelmente familiar. Se até pouco tempo ele era um estranho, por que o coração de Addie acelera toda vez que o vê?
Enquanto isso, Laila guarda um grande segredo: ela pode Restaurar as memórias de Addie - só falta aprender como. Muita gente poderosa não quer que isso aconteça, e a única pessoa que pode ajudar Laila é Connor, um bad boy que não parece muito disposto a colaborar. Como ela vai ajudar a amiga a alcançar o futuro feliz que merece.

>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Meu carro estava do outro lado do estacionamento, e não consegui chegar até ele rápido o suficiente.”

RESENHA<<<
Temos continuação de série aqui no blog. Para conhecer os venenos do livro anterior, clique:

Addie é a nossa protagonista e agora volta com tudo no segundo livro, como ela tem o poder de vasculhar as escolhas, ou seja, se ela está no meio de uma ‘encruzilhada’, ela pode ir até o futuro das duas situações e ver qual será o melhor caminho, ou o menos pior. Quem não gostaria deste poder? Rs.

No primeiro livro a narrativa duplicada era por conta dos futuros que Addie visitava, mas no segundo livro, mudamos o narrador, a melhor amiga dela – Laila, divide com ela a narração, já que Laila ficou no complexo e está tentando resolver algumas coisas por lá e Addie vem para o nosso mundo, e não se lembra de algumas coisas... consequência de suas escolhas no livro anterior.

A narrativa continua ágil é flui bem, sou uma fã da narrativa com múltiplos personagens e aqui foi bom saber o que acontece nos dois lugares, afinal a autora traz a melhor amiga como personagem importante, o que não tinha acontecido antes e novos personagens entram em cena. É como ter dois núcleos de protagonistas.

Laila e Connor talvez sejam tão ou mais interessantes que Addie, pois eles têm uma pegada meio bad boys e um não dá trégua para o outro, enquanto tentam descobrir o que de fato pode estar acontecendo no complexo.

É um livro com personagens legais, intenso, daqueles que você não fica perdido/esquece o que aconteceu no anterior e a leitura flui muito bem, o que sempre é importante quando se está em uma continuação. Para quem já havia lido o anterior, com certeza vocês continuarão a curtir, quem ainda não teve a oportunidade, aproveite. Pois, por enquanto a série está bacana e vale a leitura.

>>> Já conhece as outras redes sociais do blog? Clique e seja bem-vindo <<<

Share:

0 comentários