BOOKS || A Ascensão das Trevas (Morgan Rhodes)

Autor: Morgan Rhodes
Tradutor: Flávia Souto Maior
Editora: Seguinte
Série: Sim, livro 3 (série A Queda dos Reinos)
Temas: Jovem-Adulto, Aventura, Magia, Reinos

Depois de conquistar Mítica inteira, o rei Gaius ainda não está satisfeito: sua nova missão é encontrar a Tétrade, quatro cristais mágicos perdidos, capazes de conferir poderes indescritíveis a quem os reunir. Para isso, ele conta com os conselhos de Melenia, uma imortal que o visita em seus sonhos e que o instruiu a criar uma estrada ligando todos os reinos.
Gaius acredita que está no caminho certo e que Lucia, sua filha adotiva, será a chave para localizar e despertar os cristais. Para seu deleite, os poderes de Lucia estão cada vez mais fortes, e um vigilante exilado aparece para orientar a feiticeira.
Mas o Rei Sanguinário não é o único que cobiça essa magia milenar: vindos de Kraeshia, um império vizinho muito influente, o príncipe Ashur e a princesa Amara conhecem as lendas de Mítica e desconfiam que a Tétrade não seja apenas um mito. Logo eles entram na disputa e buscam seus próprios aliados nessa corrida pelo poder.
Um período de trevas se abate sobre Mítica, e nesses tempos sombrios Jonas, Cleo, Magnus e Lucia precisam descobrir o quanto antes em quem podem confiar.
>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“O jovem acordou cercado de fogo e caos.”

RESENHA<<<
Mais um livro da série ‘A Queda dos Reinos’, antes de conhecer os venenos e revelações deste livro, vale a pena conhecer os venenos dos anteriores:

Eu gosto bastante dessa série, mas confesso que achei esse livro meio ‘embromation’, um livro inteiro procurando a tal Tétrade foi um pouco demais, e apesar de ter ótimos momentos de revelações e personagens evoluindo, senti que a autora poderia ter diluído isso nos dois livros anteriores e nos próximos (porque nada me tira da cabeça que são pelo menos uns 5 livros essa série, no GR já tem ‘cadastrado’ 6).

O ponto alto foi o ‘pokerface’ presente no decorrer da história, quem está acompanhando a saga sabe que esse objeto misterioso pode conceder um poder ilimitado, mas o mesmo é envolto em muitos mistérios, lendas e superstições, apesar do livro falar praticamente apenas dele, a gente continua sem saber de fato o poder do objeto, nós temos mais informações, arriscamos palpites, mas de fato, ninguém chega e diz; ele serve para isso. Então, cenas dos próximos capítulos (ou livros).

Um ponto que muito me incomodou foi a facilidade que todo mundo consegue as informações ou divide as mesmas. Ok, eu entendo que o livro é na base infanto-juvenil/jovem-adulto e talvez eu esteja sendo muito má, mas gente, vamos lembrar que os reinos estão em guerra! Você não fica socializando com o inimigo assim de mão beijada. Algumas passagens são fora da realidade de qualquer suspense/vingança de 5ª categoria.

“(...) Você não chora quando alguém a derruba.
Você levanta. Levanta e revida.
E logo ninguém mais vai empurrar você,
porque vão ver que não vale a pena.
Não deixe ninguém empurrá-la,
nem fazer você chorar.”

Já a quantidade de narradores parece que cada vez aumenta mais, alguns narradores não achei que foram tão interessantes assim, mas teve um em especial que me deixou intrigada e no decorrer da história (principalmente no final), foi um dos responsáveis por altas reviravoltas. Já outros ainda fico me perguntando porque exatamente narram, aparecem pouco e praticamente não acrescentam nada na trama.

Eu esperava ver mais da história em si, o foco na Tétadre fez com que a história dos reinos que acompanhamos nos livros 1 e 2 ficasse praticamente em stand by. Meu medo é a autora perder o fôlego na série e começar a descambar para coisas que façam pouco sentido ou que a gente se sinta cada vez mais enrolado na leitura da saga.

Apesar do enredo repetitivo e um tanto quanto fincando no mesmo lugar, a narrativa da autora em seus múltiplos pontos de vista continua nos prendendo, talvez seja devido aos capítulos curtos e a troca entre os ‘narradores’ faze com que mesmo quando a gente não curta algum momento, sabemos que ele não irá durar muito e em breve teremos mudanças...

Agora é aguardar os próximos livros para saber o que de fato nos espera; um novo rumo na história dos reinos ou o ‘enrolation’ e uma leve decepção.

Próximos Livros:
Livro 4 - Maré Congelada
Livro 5 - Tempestade de Cristal

Share:

0 comentários