POISON BOOKS - Não Fuja! (FML Pepper)

Em 23 janeiro 2015
Autor:  FML Pepper
Tradutor: ---
Editora: Única
Série: Sim, livro 3 (série Não Pare!)
Temas: Jovem-Adulto, Sobrenatural, Morte
SINOPSE - Último livro da trilogia de sucesso NÃO PARE!
Vida.
Morte.
O que há entre elas?
Antes delas?
Depois delas?
Como distinguir a linha tênue entre dois universos tão distintos e intimamente ligados?
Como não sucumbir ao desejo que lhe drena a vida?
Como aceitar que existe morte em vida e vida na morte?
O que fazer quando a morte é a centelha que pulsa na vida embebida de escuridão?
Que caminho tomar quando o perigo é real?
A bússola da existência gira e aponta: o medo é uma opção, a vida, uma batalha, a morte, uma bênção.

>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“– Não vou chamar de novo! – advertiu mamãe.”

RESENHA<<<
Chegando ao final de mais uma saga aqui no Poison e antes de embarcar nos comentários do final, vamos rever o que já foi levantado nos volumes anteriores?

Confesso que gostaria de ter terminado do mesmo jeito empolgado que comecei a série, quando li alucinada, a história era nova e diferente, mas o livro 2 seguiu pelo caminho do mimimi e infelizmente, apesar do livro 3 ter fugido um pouco disso, ele não chegou aos pés do volume 1, mas foi uma finalização redondinha, onde tudo que estava aberto foi sendo finalizado.

Como no livro 2 a Nina não sabia se casava ou comprava uma bicicleta, foi um alívio vê-la mais dinâmica e não tão indecisa, mas as descobertas que ela fez ou algumas reviravoltas na vida dela meio que estavam anunciadas. O problema é que depois de um certo tempo a gente começa a perceber o padrão que o autor faz na hora de escrever, então eu sempre sabia que não podia acreditar naquilo porque aquela não era exatamente a verdade. A autora já tinha feito dessa mesma artimanha nos livros anteriores.

O excesso de personagens prejudicou um pouco a questão de um final mais elaborado, afinal precisava contar como cada um ia terminar. Alguns tiveram finais cheios de reviravolta, outros esperava mais. Mas tirando o trio principal e um ou outro personagem interessante, achava que a autora poderia ter vindo desde o livro anterior finalizando com eles e não ficaria muita coisa para contar de forma parecida.

Um dos poucos momentos que realmente me surpreendeu foram uns capítulos que falam do passado da mãe da Nina, rola como uma espécie de flashback e alguns itens fugiram completamente do que imaginei e de fato ajudou a esclarecer a história um tanto conturbada de certo personagem.

O final/epílogo apesar de meio clichê, fez o livro fechar de forma bonitinha e redonda, claro que a gente torcia e sabia que aquilo iria acontecer, mas é sempre bom ler aquele final que você espera, mesmo que ele não seja tão mirabolante assim.

De um modo geral a série foi bacana, talvez o pecado tenha sido o livro 2 ter ficado muito em cima do muro e cheio de mimimi fez com que a série perdesse o ritmo e ficasse difícil recuperar nesse último livro. Mas a escrita e narrativa da autora mantiveram o bom desempenho na série, facilitando a finalização da mesma. Agora é torcer para autora trazer outras ideias mirabolantes em forma de histórias.

O livro foi classificado entre o Suave e o Tóxico, mas como não há notas quebrados no Poison, ele ficou com Tóxico.

>>> Já conhece as outras redes sociais do blog? Clique e seja bem-vindo <<<