POISON BOOKS - O Rei (J. R. Ward)

Autor: J. R. Ward
Tradutor: Cristina Tognelli
Editora: Universo dos Livros
Série: Sim, livro 12 (série Irmandade da Adaga Negra)
Temas: Adulto, Relacionamento, Vampiros
SINOPSE - Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma furiosa guerra entre vampiros e seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por guerreiros vampiros defensores de sua raça. Depois de recusar seu trono por séculos, Wrath finalmente assumiu o manto de seu pai – com a ajuda de sua amada companheira. Mas a coroa pesa fortemente em sua cabeça. Enquanto a guerra com a Sociedade Redutora continua, e a ameaça vinda do Bando de Bastardos está prestes a acontecer, Wrath é forçado a fazer escolhas que colocam em risco tudo e a todos. Beth Randall pensou que sabia em que estava se metendo quando ela se relacionou com o último vampiro puro-sangue no planeta: não seria nada fácil. Mas quando ela decide ter um filho, percebe que não está preparada para a resposta de Wrath – ou o afastamento que essa decisão criaria entre eles. A questão é: o amor verdadeiro vencerá... ou será derrotado pelo passado sombrio?



>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“– Vida longa ao Rei!”

RESENHA<<<
E estamos de volta com a série da Irmandade da Adaga Negra e como a série é grande, bora antes de começar a leitura rever os venenos anteriores? Clique:
Livro 1 – Amante Sombrio
Livro 2 – Amante Eterno
Livro 3 – Amante Desperto
Livro 4 – Amante Revelado
Livro 5 – Amante Liberto
Livro 6 – Amante Consagrado
Livro 7 – Amante Vingado
Livro 8 – Amante Meu
Livro 9 – Amante Libertada
Livro 10 – Amante Renascido
Livro 11 – Amante Finalmente

Ufa! Deu até preguiça rever todos os livros da série. Eu achava que esse seria o último livro, mas já fui informada que não, mas também não tive nenhuma confirmação da autora, e do jeito que as coisas terminaram, sei lá, vamos continuar devagar e sempre nessa série (ou não).

Fiquei bem desapontada aqui, acho que foi um dos livros mais fracos de IAN. Antes de ler o livro eu fui ler umas resenhas (coisa que raramente faço) e as críticas eram fortes em cima dele. Até desisti de ler mais coisas para não influenciar na leitura, mas depois que terminei, vi que muita gente tinha razão. Ficou a desejar.

O foco desse livro foram uns casais que fiquei me perguntando porque eles tinham tanto destaque já que o livro se chama – O REI – você, eu e todo mundo imagina que o foco principal será o casal real, que durante toda a série apareceu poucas vezes. Seus nomes eram mencionados, mas nada que fosse além. Apesar de não ser meu casal favorito queria que eles aparecessem, contasse a história da Irmandade, um pouco do passado e aquele blábláblá que seria inevitável, mas não temos um grande destaque para ‘Sola e Assail’ (chatos) e Xcor (que também tá ficando chato).

Há alguns livros venho dizendo que a IAN está perdendo o foco, antes eram as lutas da IAN contra a Sociedade Redutora, mas nesse foi um grande mimimi de nada com coisa nenhuma, personagens inseridos para ‘encher linguiça’ e como consequência a série se arrasta e perde o foco.

Muitas coisas ficaram de fora em relação aos personagens que já conhecemos, poucos deles são mencionados, principalmente porque em livros anteriores tinha acontecido muitas coisas onde fazer novas menções seria legal, principalmente os casais que a gente sabe que teriam um bebe em breve. Isso desmotivou, pois a gente perdeu a ligação de quem a gente já tinha visto para algo novo sem ligação nenhuma.

A história não se desenvolveu, vemos alguns pontos que foram levantados mas não levados a diante. Já que desde o início a autora sempre optou por cada casal ter seu livro, não entendi porque tanto destaque em alguns casais que poderiam ganhar seus livros e perder o foco no casal real. Será que é porque ela sabe que esses casais não são tão importantes assim na trama e nos obrigou nesse livro engolir goela abaixo eles, pois você não deve pular os capítulos.

Depois de tudo que li e como ficou muita coisa em aberto, realmente acho que a autora precise de mais um para fechar a série de forma satisfatória, sem incluir essa gente chata e essa enrolação desnecessária para história.

>>>Nas redes sociais há mais venenos <<<

Share:

0 comentários