POISON BOOKS - A Herdeira das Sombras (Anne Bishop)

Autor: Anne Bishop
Tradutor: Cristina Correia
Editora: Saída de Emergência
Série: Sim, livro 2 (trilogia das Joias Negras)
Temas: Jovem-Adulto, Magia, Fantasia, Aventura
SINOPSE - Há 700 anos, num mundo governado por mulheres e onde os homens são meros súditos, uma profetisa viu na sua teia de sonhos e visões a chegada de uma poderosa Rainha. Jaenelle é essa Rainha. Mas mesmo a proteção dos Senhores da Guerra não impediu que os seus inimigos quase a destruíssem. Agora é necessário protegê-la até as últimas consequências.
Três homens estão dispostos a dar a vida por Jaenelle. Mas há quem seja capaz de tudo para controlar ou destruir a Rainha. Conseguirá ela cumprir seu destino como detentora do maior poder que o mundo já conheceu?


>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“O Conselho das Trevas voltou a se reunir.”

RESENHA<<<
Continuação da trilogia Joias Negras, corre conferir os detalhes do anterior:

Eu não sabia o que esperar desse livro, estava muito ansiosa para ler, mas ao mesmo tempo com medo, pois o anterior mexeu comigo de certa forma, pois a história não é exatamente o tipo que estou acostumado a ler, ela figura num gênero meio ‘dark’, não que eu nunca tivesse lido nada mais obscuro, mas essa série é intensa e aqui na continuação, se prepare para muitos conflitos.

Uma das coisas que melhorou foi a protagonista (apesar de ter uma ‘alma velha’, digamos assim), ela no livro anterior era uma menina e isso deixou muita gente um pouco perturbada, e eu me incluo aqui, apesar de entender a história da menina, confesso que tinha momentos que isso era difícil de separar. Mas agora, ela é uma jovem (ela passa por algumas idades durante a narrativa, mas o forte da história se passa com ela sendo adolescente/jovem-adulto).

A narrativa foi apaixonante, intensa e cada vez mais a gente queria ler para saber o que estava acontecendo. E apesar de termos aquela situação onde em cada capítulo temos as vezes entre 5 e 10 pontos de vista diferentes (no livro são lugares do reino e em cada lugar há um conjunto de personagens), dessa vez consegui me adaptar melhor e ficar ansiosa quando certos locais apareciam porque eram os ‘vilões’ e tinha toda uma trama sendo armada e queria saber como ia ser quando as pessoas descobrissem, eu li o livro de forma alucinante, impossível largar.

A protagonista cresceu e muito nesse livro, e o grande momento foram os capítulos finais, foram momentos de muitas informações e até contradições, por isso, continuo o conselho de ainda ler nas entrelinhas e prestar atenção em cada parte do reino que é dita, pois os interesses e as conspirações aqui foram maiores. Mas os outros personagens tanto os amigos quanto os inimigos atingiram outros patamares. Apesar de ninguém torcer para o vilão, temos que tirar o chapéu e dizer que a autora conseguiu colocar todos os seus personagens em outro patamar.

Já o enredo, que antes tinha alguns momentos que nos deixava perdido, aqui a gente percebe que a autora sabia como e quando ia responder as nossas perguntas, pois ao longo da história, apesar de coisas serem respondidas, tinha novas questões sendo levantadas e mostrando as informações e/ou para onde a história pode seguir.

O final foi um grande momento, não que ele tenha sido algo de muita surpresa, mas a intensidade com que ele aconteceu que foi o choque, e com isso o gancho para o próximo livro foi muito bom, daqueles que a gente fica morrendo para ler o quanto antes. Por isso, estou mais do que ansiosa para terminar essa série... se bem que tem uns outros livros por aí, mas vamos devagar.

Próximo Livro:
Livro 3 - A Rainha das Trevas

>>>Nas redes sociais há mais venenos <<<

Share:

0 comentários