POISON BOOKS - Vestígios da Terra (Beth Revis)


Autor: Beth Revis
Tradutor: Sonia Strong
Editora: Novo Século
Série: Sim, livro 3 (série Através do Universo)
Temas: Jovem-Adulto, Ficção, Viagens,
SINOPSE: Finalmente Amy e Elder se veem livres das angustiantes paredes da nave espacial Godspeed. Agora, estão prontos para começar uma nova vida e construir seus lares em Terra-Centauri, o planeta que desejavam tanto conhecer, viajando trilhões de quilômetros para encontrá-lo. Porém, essa nova Terra não é o paraíso que esperavam encontrar. Os dois precisam descobrir quem, ou o quê, também habita o planeta, se quiserem ter alguma esperança de salvar sua colônia e construir um futuro juntos. A cada nova descoberta, novos problemas surgem, e Amy e Elder terão de entrar em sua mais perigosa jornada: olhar para dentro de si mesmos e entender o que os torna seres humanos. E se a colônia entrar em colapso? Conseguirão os viajantes reunir todos os sobreviventes em um mesmo objetivo? Descubra a fascinante conclusão de Através do universo, a série best-seller do New York Times que conquistou milhares de leitores pelo mundo com histórias de romance, mistério, ação e suspense.


>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“– Espere – digo, com um aperto no coração..”

RESENHA<<<
Mais um final de série, dessa vez chegamos ao fim de ‘Através do Universo’, bora conhecer os anteriores?

Finalmente uma série que terminou bem, poderia ser mais? Sim! Mas analisando os três livros, percebo que a autora tinha uma linha do que queria em cada um deles e desenvolveu a história assim, o que de certa forma é positivo, já que a gente viu algumas respostas ao longo dos livros e não tudo sendo finalizado apenas nesse.

Agora que a Goodspell chegou ao seu destino, irá ou não desembarcar na nova Terra? Essa sempre foi a pergunta nos livros da série. E no último livro a questão será respondida. E como isso será feito foi a grande questão.

Amy cresceu bastante nesse livro, tivemos alguns momentos mimimis? Sim, afinal protagonista sem mimimi não é protagonista, mas ela tomou as rédeas da vida, principalmente quando você acorda 50/100 anos a frente do que deveria e ver o que não deveria ter visto. Ela se impõe com os novos e antigos habitantes da nave. Gostei de ver a personagem atingir uma maturidade, mesmo que isso só tenha acontecido no ultimo livro.

Elder apresentou algumas melhoras, mas durante muito tempo ele ficou apagado e não entendi porque, sim, ele tem um momento chave na história, mas o final dele foi meio xoxo, esperava algo mais. Até porque ele era o escolhido para manter a nave. Achei que a autora quis elevar muito a Amy em detrimento do Elder e isso gerou desequilíbrio desnecessário.

Apesar de não poder contar detalhes da Nova Terra porque seria spoiler, mas no geral fiquei surpresa com o rumo que a autora quis levantar, nos faz questionar algumas coisas do nosso mundo de hoje e como somos interesseiros/ruins quando queremos. Em todos os livros tive um momento de me surpreender com algo que a autora colocou na história, mas nesse livro foi um ‘choque’ positivo o que li e analisando friamente, ainda bem que teve, senão seria um final muito ‘paz e amor’ e chato.

A história terminou bonitinha, coerente e dentro de tudo que foi mostrado, tivemos as respostas das perguntas que surgiam durante os livros, claro que a gente espera sempre mais, mas não foi nada sem noção como já vimos em outras séries.

>>>Nas redes sociais há mais venenos <<<

Share:

0 comentários