POISON BOOKS - Peça-Me o Que Quiser ou Deixe-Me (Megan Maxwell)


Autor: Megan Maxwell
Tradutor: Ernani Rosa e Tamara Sender
Editora: Suma de Letras
Série: Sim, livro 3 (série Peça-Me)
Temas: Adulto, Erótico, Hot, Comportamento
SINOPSE No último volume da trilogia, os protagonistas lutam para preservar sua relação. Judith está adorando ter o Iceman só para ela, e os jogos eróticos dele continuam lhe dando prazer; Eric se sente o homem mais feliz do mundo e não pode imaginar sua vida sem seu grande amor. Mas os ciúmes e a superproteção do alemão são motivos de constantes brigas — Judith já não está tão certa sobre o futuro da relação. Com Peça-me o que quiser ou deixe-me, Megan Maxwell conclui uma das sagas eróticas mais populares da Espanha.


>>>PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Às sete da manhã, ainda estou na cama quando meu celular começa a tocar.”



RESENHA<<<
Último livro da série Peça-Me, para conhecer sobre os anteriores, clique:

Acabou-se mais uma série... eeeeeee.... gritinhos de alegria e felicidade de terminar mais uma série aqui no Poison e por ser o terceiro livro de uma série hot, tivemos nesse livro aquelas coisinhas de praxe, casamento e bebês, em todas as séries seguiram o esquema e aqui não foi diferente. A diferença foi que Jud grávida foi uma comédia e situações reais e do dia-a-dia que acontece com as futuras mamães, como enjoos, gritos, mudanças de hormônios e afins.

Mas claro que não tem só o lado alegre, ainda tem umas invejas, brigas entre o casal, fofocas das outras querendo roubar o marido de Jud e a própria e Eric brigando bastante e fazendo as pazes. Tudo que tivemos nos outros livros, só que mais intenso.

Nesse livro a autora não investiu tanto em sexo ousado, nada de ménages ou outros jogos que eles curtem, dessa vez ela focou apenas no casal dentro de quatro paredes, aquelas coisas ousadas dos livros anteriores foram apenas comentadas, mas não descritas.

O que achei bacana nessa série foi o fato dos personagens brigarem, gritarem, irem atrás das coisas que querem, coisas que nos outros hots não acontece muito, a agente tem o cara dominador que sofreu algo e ou a mocinha é virgem ou também tem um problema relacionado ao lado sexual, aqui não os dois são normais, ninguém foi abusado ou coisa do tipo. Eles gostam de sexo e estão dispostos a conhecer coisas novas em conjunto, ou não. A realidade das atitudes dessa série foi melhor que nas outras.

Para fechar a série, além de tudo que lemos acima, a autora também focou na família, da Jud e Eric, ela deu um final bacana para os familiares do casal, algumas coisas clichês, mas teve um final, não ficou nada solto, como acontece por aí.


Para quem curte hot, vale a dica de leitura, irão passar momentos divertidos com as brigas de Jud e Eric, quem já leu os outros e percebeu o que disse nos parágrafos acima talvez imagine que só tenha esse tipo de mocinha – a virgem que não sabe nada das coisas – mas a Jud foi uma protagonista ousada, um retrato mais real das mulheres do mundo.

>>>Nas redes sociais há mais venenos <<<

Share:

0 comentários