POISON BOOKS - Sedução ao Amanhecer (Lisa Kleypas)

Em 21 agosto 2013
Autor: Lisa Kleypas
Tradutor: Sonia Strong
Editora: Arqueiro
Publicação: 2013
Páginas: 242
Capítulos: 23
Série: Sim, livro 2 (série Os Hathaways)
Temas: Romance de Época, Adulto, Relacionamento
SINOPSE O cigano Kev Merripen é apaixonado pela bela e bem-educada Win Hathaway desde que a família dela o salvou da morte e o acolheu, quando era apenas um menino. Com o tempo, Kev se tornou um homem forte e atraente, mas ainda se recusa a assumir seus sentimentos por medo de que sua origem obscura e seus instintos selvagens prejudiquem a delicada Win. Ela tem a saúde fragilizada desde que contraiu escarlatina, num surto que varreu a cidade. Sua única chance de recuperação é ir à Franca, para um tratamento com o famoso e bem-sucedido Dr. Harrow. Enquanto Win está fora, Kev se dedica a coordenar os trabalhos de reconstrução da propriedade da família, em Hampshire, transformando-se num respeitável administrador, mas também num homem ainda mais contido e severo. Anos depois, Win retorna, restabelecida, mais bonita do que nunca... e acompanhada por seu médico, um cavalheiro sedutor que demonstra um óbvio interesse por ela e desperta o ciúme arrebatado de Kev. Será que Win conseguirá enxergar por baixo da couraça de Kev o homem que um dia conheceu e tanto admirou? E será que o teimoso cigano terá coragem de confrontar um perigoso segredo do passado para não perder a mulher da sua vida?


>>> OUTROS LINKS <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Win sempre achara Kev Merripen lindo, como uma paisagem austera ou um dia de inverno podem ser.”

RESENHA<<<
Livro 2 da série Hathaways, para conhecer as informações sobre o anterior, clique:

Voltamos no tempo e mais uma vez vamos nos deliciar com o romance de época, aquele momento bonitinho, onde a gente vê mais finais felizes com um leve balançar de mundo do que as histórias cheias de intrigas e loucas que lemos por aí. Eu curto o gênero, mas para mim eu o vejo como algo leve, divertido e sem grandes pretensões. Não estou desmerecendo a série não, mas é um romance light.

No anterior nós conhecemos um pouco da família Hathaways e a mais velha das meninas. Ela assumiu com unhas e dentes todos os irmãos e com isso os trata praticamente como uma mãe e não a irmã que ela é. E depois conhecermos sua história e entendermos um pouquinho mais dos seus irmãos, temos a segunda mais velha das meninas (são 4 meninas e 1 rapaz).

Enquanto a irmão mais velha é quase um furacão, Win é tímida e quieta, principalmente depois da sua doença e como toda menina ela quer viver, quer ver o que o mundo nos reserva e sua doença a limita muito. Na verdade, todos a limitam e isso a deixa irritada. Principalmente um certo cigano bancando o irmão protetor, mas ela gostaria que ele fosse bem mais.

Além da história da Win, o livro se aprofundou muito mais nos ciganos que vivem com a família, contando detalhes e nos revelando coisas que eu pelo menos não esperava e foi uma grata surpresa. É bom ser surpreendido e acho que nesse ponto, o livro dois foi mais interessante que o primeiro. Já que séries onde cada livro fala de um personagem, tendem a ser meio repetitivo.

Mas ao mesmo tempo entendo que todo mundo queria ver mais sobre a família Hathaway e por ter dado muita ênfase aos ciganos, algumas pessoas podem não curtir. 

O próximo livro irá falar de Poppy, já saiu até a capa nacional, que segue as anteriores!!!! O livro quatro fala do irmão Leo e a série fecha com a mais nova das irmãs a Beatrix

Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<