POISON BOOKS - Noite Eterna (Guillermo Del Toro e Chuck Hogan)

Autor: Guillermo Del Toro & Chuck Hogan
Tradutor: Paulo Reis e Sergio Morais Rego
Editora: Rocco
Publicação: 2013
Páginas: 414
Capítulos: --
Série: Sim, livro 3 (série Trilogia da Escuridão)
Temas: Adulto, Vampiros, Distopia
SINOPSE O aguardado desfecho da Trilogia da Escuridão do premiado cineasta Guillermo Del Toro em parceria com Chuck Hogan, chega às mãos dos leitores em Noite Eterna. Dois anos após o início da epidemia de vampiros que se alastrou pelo globo, os dias têm apenas duas horas de sol e a humanidade encontra-se à beira da aniquilação. A única esperança de resistência contra o exército do Mestre, o vampiro ancestral, é o grupo liderado por Eph Goodweather. Mas as evidências de que há um traidor entre eles pode pôr em risco o destino da raça humana. Traduzida em mais de 20 países, a série renova as tradicionais histórias de vampiros e surpreende pela originalidade.


>>> OUTROS LINKS <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Um uivo soou a distância.”

RESENHA<<<
Terceiro e último livro da série Trilogia da Escuridão, para conhecer um pouco da história, clique:

Como uma série que começa maravilhosamente bem pode terminar tão meia-boca? Infelizmente a qualidade dessa trilogia ficou a desejar, o primeiro livro foi muito bom, mas o segundo caiu tanto de qualidade que tive medo de ler o livro 3. Mas me aventurei nesse mundo terrível e posso dizer que o 3 melhorou em relação ao anterior, mas nem chegou perto do que foi o primeiro livro dessa série.

Infelizmente a parte de narrativa chata e arrastada se manteve, ela foi mais suavizada e os capítulos não ficaram tão grande quanto era antigamente, mas tinha momentos que era difícil seguir na narrativa, dava vontade de desistir ou pular.

Como era o último livro, o clima foi de fechamento da história. E isso foi uma coisa que achei ruim, no livro 2 os autores ficaram muito tempo narrando voltas e mais voltas e não preparam terreno, então aqui acabou ficando com a sensação de que correram para terminar tudo e darem um final. As coisas se encaminharam de maneira bem mais rápida e as vezes toda a explicação e entendimento ficaram superficiais, não combinando com o que tínhamos antes.

Um ponto bacana é que o livro fala de distopia com vampiros, e o que eu sempre reclamo é que quase não temos explicação da distopia, mas aqui os autores tiraram um tempo para evoluir a explicação e como o mundo ficou depois de todos os acontecimentos. Eles não mostraram nada cor-de-rosa e o ambiente sombrio ajudou a dar veracidade.  A explicação não é cansativa, foi como ler um diário ou algo assim. Dentro de um universo tão pouco explorado, eles comentaram sobre isso merece uma nota.

O final foi mais ou menos o que era esperado. No final do livro 1, a ideia era uma, mas no final do 2 a minha expectativa caiu e muito. Não amei o final, mas também não odiei. Mas não teve nenhuma reviravolta ou algo assim, do meio do livro para o fim, ele segue uma tendência e ela se manteve.

Falando da série como um todo, acredito que por ela ter sido criada com a ideia de ser televisionada ou virar filme, ela tem mais cara de roteiro do que livro, acredito que se virar filme ou série de TV, vai ser bem melhor, a visualização de tantos detalhes que às vezes deixam a narrativa chata, acabam fazendo diferença. Para os fãs de distopia vale para apreciar outro olhar, fã de vampiros podem não curtir tanto, pois eles não são os protagonistas da história. Aparecem, mas não tem tanto destaque quanto em outras séries. 

Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<

Share:

0 comentários