MOVIES || 16 Luas

Título no Brasil: 16 Luas
Título Original:  Beautiful Creatures
 País de Origem:  EUA
Gênero: Fantasia, Romance
Ano de Lançamento:  2013
Duração: 124mim
Estréia no Brasil: 01/03/2013
Estúdio/Distrib.:  Paris Filmes
Direção:  Richard LaGravenese
Ethan é um garoto normal de uma pequena cidade do sul dos Estados Unidos e totalmente atormentado por sonhos, ou melhor, pesadelos com uma garota que ele nunca conheceu. Até que ela aparece... Lena Duchannes é uma adolescente que luta para esconder seus poderes e uma maldição que assombra sua família há gerações. Mais que um romance entre eles, há um segredo decisivo que pode vir à tona.

RESENHA <<<
Esse é um mal de leitores – comparar o livro com o filme – salvo em raras exceções, sempre, sempre o livro será melhor. Eu sei que são mídias diferentes e também entendo que as vezes são públicos diferentes também, mas depois que você lê o livro e vai assisti-lo no cinema (ou em DVD), fica impossível não ficar pensando que essa cena não é exatamente assim ou porque raios o diretor imaginou isso? Será que ele não leu os outros que explicam melhor o personagem ser azul ao invés de verde e vice-versa?

Mas o pior é quando você lê o livro, vai assistir ao filme e tem plena certeza de que alguma coisa está errada porque mexerem em quase 100% do livro. Aí você leva ao pé da letra o fato de que é uma história baseada nos livros X, por que ultimamente a grande maioria dos livros é isso, baseada na obra – nomes, ideia geral e alguns pormenores.

’16 Luas’ foi um desses exemplos, já li os 3 livros lançados no Brasil (clica aqui para conferir as resenhas) e gosto bastante da história – eu sei que a história deixa a desejar em alguns momentos, mas de forma geral ainda estou conseguindo levar, mas infelizmente não posso dizer o mesmo do filme. Acho que nem deveria ter o mesmo nome. São tantas modificações e ideias loucas que eu nem consegui identificar o filme e sendo sincera achei chato pacas!

Achei tão chato que larguei o mesmo pela metade e fui ver outra coisa. Sério, eu fiquei perdida na história, misturaram personagens e ideias que não tinha nada a ver e se você não tiver lido o livro irá ficar bem perdido ou confuso (eu fiquei e olha que li o livro).

Mas o pior de tudo foi a encenação, AiMeuDeusDoCéu como algo pode ser tão tosco? Cenas e cenas nada a ver e que pouco empolgavam, mas o grand finale com certeza foi a cena onde as primas brigam e a mesa gira, uma versão pobre de ABRACADABRA. Ah, eu gosto muito de Abracadabra.

Eu não sei de quem foi a ideia de comparar e dizer que era um novo Crepúsculo, mas isso não ajudou ao filme, acho que só piorou. Até porque as propostas são diferentes, mas querendo ou não se você lê algo desse tipo acaba achando que será parecido.

Nem vou falar dos atores porque não acompanho o trabalho de cada um, mas esse rapaz que está interpretando o Ethan é velho demais e sério, até onde vi fazia figuração, para quem não sabe, no livro ele é o protagonista, ele narra a história. E os outros personagens da história são confusos/chatos porque na grande maioria temos 2 personagens que se fundiram e isso perde a ideia geral da história.

Não vou ficar prolongando resenha de filme chato, se você leu os livros e acha que será remotamente parecido com o que leu, pode esquecer, se você não leu muito cuidado para não ficar perdido. Na duvida, pegue os livros e vá ler que é bem melhor...

Share:

0 comentários