POISON MOVIES - Oblivion

Título no Brasil: Oblivion
Título Original:  Oblivion
 País de Origem:  USA
Gênero: Ficção Científica
Ano de Lançamento:  2013
Duração: 124 mim
Estréia no Brasil: 12/04/2013
Estúdio/Distrib.:  Paramount Pictures
Direção:  Joseph Kosinski

SINOPSE: 
2077: Jack Harper (Tom Cruise) trabalha na manutenção de equipamentos de segurança, baseado em uma Terra que foi evacuada. Parte de uma gigantesca operação para extrair recursos vitais, depois de décadas de guerra com uma aterradora ameaça alienígena que ainda recolhe o que restou do nosso planeta, a missão de Jack está quase completa. Em duas semanas, ele vai se juntar ao resto dos sobreviventes em uma colônia lunar, longe do mundo destruído pela guerra que ele há muito tempo chamou de lar. Mas a existência pairada nas alturas de Jack é abalada depois que ele resgata Julia Rusakova (Olga Kurylenko) de uma espaçonave abatida. Atraída para Jack por meio de uma conexão que transcende a lógica, sua chegada inicia uma cadeia de eventos que o força a questionar tudo que sabe. 

 


>>> OUTROS LINKS <<<

RESENHA <<<
Esse filme fosse um livro, com certeza teria abandonado, mas por ser tratar de um filme e eu ter ficado com vergonha de sair da sala de cinema, fiz o que todo mundo estava fazendo – comentando sobre quão chato e tedioso o filme foi.

Oblivion é uma premissa eterna, ele mostra o que vai ser mas nunca passa disso. O filme narra uma Terra devastada, onde os humanos foram dizimados por aliens e agora habitam um lugar no espaço chamado Tretis. E um casal é o responsável por retirar os últimos recursos e levar para esse lugar. E o filme fica nesse marasmo eterno [praticamente 1 hora de filme é só disso].

Como disse, a premissa é legal, não maravilhosa, mas chamou atenção para que eu e muitas pessoas fôssemos ao cinema em um domingo, mas só, depois não evoluiu. A parte da luta é bem fraquinha, a apresentação e a explicação do tal mistério envolvendo os aliens foi jogada de qualquer jeito e até o clímax amoroso não emplacou.

Como história, não funcionou para mim, fiquei eternamente em uma expectativa que nunca atingiu nada. As respostas quando dadas são simples e bobas demais para tudo que a trama faz o espectador acreditar que iria acontecer. Confesso que esperava uma luta, algo com mais ‘tchan’, mas nada de significativo acontece, acho que tivemos apenas uns 15 ou 20 minutos de ação.

Mas visualmente falando, preciso reconhecer as belas imagens, o filme possui um visual muito bonito e só. Meu conselho seria para vocês realmente esperar para assistir quando sair na TV a cabo, mas conversando com algumas pessoas, percebi que elas curtiram o filme bem mais do que eu. Então, entre por sua conta e risco no cinema e voilà!!!

PS: Fala que pela sinopse e o trailer você não ficou mega empolgado?

Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<

Share:

0 comentários