POISON BOOKS - Amante Renascido (J. R. Ward)

Autor: J. R. Ward
Tradutor: Luís Protásio e Maurício Tamboni
Editora: Universo dos Livros
Publicação: 2013
Páginas: 703
Capítulos: 76
Série: Sim, livro 10 (Série Irmandade da Adaga Negra)
Temas: Hot, Adulto, Vampiros

SINOPSE Das sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma furiosa guerra entre vampiros e seus assassinos. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por guerreiros vampiros defensores de sua raça. Desde a morte de sua shellan, Tohrment tornou-se irreconhecível. Fisicamente abalado e com o coração partido, ele é levado de volta para a Irmandade pelo anjo Lassiter. Agora, lutando com uma fúria implacável, ele está preparado para enfrentar outra tragédia. Ao descobrir que sua amada está presa em um submundo frio e isolado, Tohr procura o anjo na esperança de salvá-la. No entanto, quando Lassiter lhe diz que ele precisa aprender a amar outra fêmea para libertar sua antiga parceira, Tohr percebe que eles estão condenados. Mas ele não esperava que uma mulher intrigante e sexy começasse a mexer co seus instintos adormecidos. Em meio a uma guerra violenta contra os redutores e um novo clã de vampiros competindo pelo trono do Rei Cego, Tohr divide-se entre o amor antigo e um futuro arrebatador. Será que ele se entregará a essa nova paixão e conseguirá libertar a todos?


>>> OUTROS LINKS <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“- O Filho da mãe seguiu pela ponte.”

RESENHA<<<
Livro 10 da Irmandade da Adaga Negra, quer conhecer um pouco dos outros? Acesse:
Livro 1 – Amante Sombrio
Livro 2 – Amante Eterno
Livro 3 – Amante Desperto
Livro 4 – Amante Revelado
Livro 5 – Amante Liberto
Livro 6 – Amante Consagrado
Livro 7 – Amante Vingado
Livro 8 – Amante Meu
Livro 9 – Amante Libertada

Meio triste dizer isso, mas começo a acharque a IAN vai começar a ser mais do mesmo. Para quem me acompanha pelas redes sociais, já leu minhas explicações/indagações sobre séries com mais de 4/5 livros e como estamos no décimo primeiro dessa saga, já não me pego esperando com ansiedade pelos livros.

Nesse gira em torno de Torment (Tohr) e todo o drama que anda a sua vida depois de alguns acontecimentos que foram apresentados alguns livros atrás (não direi porque aí é spoiler para quem não leu ou não chegou até aqui). Mas sobre o assunto dele achei que ficou drama demais e que apareceu pouco, pois tantos outros personagens também foram mostrados, que tinha horas que ficava pensando, realmente é o livro do Tohr ou me enganei?

As histórias/problemas com os redutores andam caindo muito nos livros, eu sei que tem gente que não curte quando aparece, mas a IAN é a eterna inimiga da Sociedade Redutora, então por mais que tenha dramas amorosos e busca de suas companheiras, a luta e o desenrolar dela precisam existir, as coisas tem evoluído muito divagar e vira e mexe tem umas reviravoltas bem estranhas e loucas.

Um dos maiores problemas sempre foi a tradução dos termos, para quem não sabe essa série saiu das ‘comunidades de tradução’ e lá, os termos não eram traduzidos de forma branda e quando começou a ser lançado em livro, quem já acompanhava pela ‘tradução’, sempre criticou isso, que os tradutores perdiam a essência do que a autora queria dizer, mas nesse livro a tradução está da forma real, nua e crua. Acho que se deve ao fato de termos 2 tradutores do sexo masculino. Por ter lido 9 livros sem esse tipo de tradução, confesso que estranhei um pouco no início.

O próximo livro deve ser o mis aguardado pelos fãs pois definitivamente entraremos em um modo mais ‘tenso’, afinal vai contar a história de Quinn e Blay, quem acompanha a saga sabe exatamente porque estou comentando isso, vamos ver o bafo que isso vai ser e como será esse livro aqui no Brasil.

Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<

Share:

0 comentários