POISON BOOKS - Zumbis x Unicórnios (Vários autores)

Autor: Holly Black & Justine Larbalestier (organizadoras)
Tradutor: Rodrigo Abreu
Editora: Galera Record
Publicação: 2012
Páginas: 382
Capítulos: --
Série: Não
Temas: Contos, Zumbis, Unicórnios
SINOPSE - Nesta antologia, editada por Holly Black e Justine Larbalestier, diversos contos apresentam fortes argumentos a favor de Zumbis de um lado e de Unicórnios de outro. Os argumentos, que incluem tanto pontos negativos e positivos de cada lado, são expostos por renomados autores, entre eles Cassandra Clare, Meg Cabot e Scott Westerfeld, que deixam clara a preferência por um time ou outro.



>>> OUTROS LINKS <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“XXX”

RESENHA<<<
Não sou grande fã de livros de contos. Talvez seja porque nos contos é preciso fazer o público se apaixonar por sua história em poucas páginas – já que na maioria dos contos a média de páginas gira entre 30 a 60. Se em um livro às vezes chegamos até a página 100 não curtindo a história, imagina em contos? Ou você ama logo de cara ou acaba não curtindo.

Em Zumbis x Unicórnios eu não tenho time, não sou fã de zumbis e nem dos unicórnios, então li os contos como uma juíza, sem puxar brasa para nenhum lado. Na verdade o que me animou a ler foi a quantidade de autores bacanas que participam, dos 12 (14 na verdade, mas Justine e Holly apenas organizam a antologia), não tinha lido nada de apenas 3 deles, dos outros acompanho suas obras com certo afinco.

De uma maneira geral os contos foram normais, não que um ou outro não tenha se destacado, mas na média geral tinha obra doida demais e sem nenhuma explicação aparente e outras que eram arrastadas até dizer chega (e olha que eram apenas 40 páginas). O problema era que para se destacar – tanto no time do unicórnio quanto no dos zumbis – os autores precisavam inovar demais e aí como você explica que seu zumbi ou unicórnio é diferente da maioria?! Isso às vezes surtia bons efeitos, mas na grande maioria acaba se enquadrando nas mesmas ideias com poucas variações.

Vou citar alguns contos que curti – o do Scott com seus zumbis doidos, o da Meg com seu unicórnio engraçado e o momento do unicórnio pensativo de Kathleen (de quem nunca li nada). Agora uns muito doidos e achei surreal foram – Unicórnios da Margo, os zumbis de Maureen e a parada meio sem sentido de Libba (zumbis).

Dos outros autores, seus contos ficaram na média, não amei, mas também não odiei. Como disse antes, poucos autores me conquistaram em contos, pois é preciso algo extremo e que me prenda logo nas primeiras linhas para me ganhar.

Acho que o que mais vale nesse livro é a possibilidade de ter o autografo de todos eles em um único exemplar – 14 autores sensacionais – isso com certeza é o que me fez ler e manter o exemplar. E quem mora no Rio ou em Sampa, pode começar com os autógrafos de Scott e Justine já que o casal vem ao Brasil na próxima semana (24,25 e 27 de novembro).

Só por curiosidade, segue a lista dos dois times:
Zumbis (Justine)
Alaya Dawn Johnson
Carrie Ryan
Maureen Johnson
Scott Westerfeld
Cassandra Clare
Libba Bray

Unicórnios (Holly)
Garth Nix
Naomi Novik
Margo Lanagan
Diana Peterfreund
Meg Cabot
Kathleen Duey


Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<
FORMSPRING || TWITTER || FEED || FACEBOOK || YOUTUBE || TUMBLR || CONTATO 

Share:

0 comentários