POISON BOOKS - Despertar (Amanda Hocking)

Autor: Amanda Hocking
Tradutor: Tatiana leão
Editora: Planeta
Publicação: 2012
Páginas: 207
Capítulos: 28
Série: Sim, livro 1 (Série Watersong)
Temas: Jovem-Adulto, Sereias
SINOPSE - Na pequena cidade litorânea de Capri, as turistas Penn, Lexi e Thea conseguiram chamar a atenção de todos, seja pelo fascínio ou pela apreensão. Tudo o que se sabe é que por onde passam existe uma energia no ar, algo sobrenatural, e que as garotas estão interessadas em ter a jovem Gemma em seu grupo. Gemma parece ter tudo, é uma nadadora incrível, está começando a namorar seu amigo de infância e se prepara para competir nas olimpíadasno futuro. Aos 16 anos, Gemma sabe que é feliz. Mas quando Penn, Lexi e Thea se interessam por ela, tudo fica prestes a mudar. Sua irmã Harper percebe que há algo de estranho com as garotas, mas será tarde demais para alertar Gemma? A autora fenômeno Amanda Hocking chega ao Brasil com mais uma saga eletrizante, prendendo o leitor do começo ao fim em uma história em que nada é o que parece. A canção do Oceano está chamando.


>>> OUTROS LINKS <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Mesmo com a maresia, Thea sentia o cheiro de sangue no corpo.”

RESENHA<<<
Nada como uma capinha linda e um tema que você adora, né? Mas as vezes só isso pode não ser suficiente.

Não comecei a ler Despertar cheia de desejos ou com altas expectativas, eu gosto do tema Sereias, então quase tudo que pinta sobre elas eu acabo dando uma espiada e aqui não foi diferente, a mitologia grega onde diz que as belas meninas-peixes encantavam os homens e os levavam para morte também é descrita aqui, mas o ‘mito original’ ou uma de suas versões foi pouco explorado pela autora, mesmo ela escolhendo ele em primeiro lugar.

O livro é bem mais do mesmo, cidadezinha do interior, alguém que gosta de estar perto do mar e algumas pessoas desaparecidas, e claro, pessoas novas na cidade, até aí nada demais, nem pelo fato de ser clichê ou de já termos lido isso por aí, o problema é que a autora jogou as coisas de modo que deixou o livro desinteressante.

A narrativa deixa muitas falhas, mas o pior é que descobrimos as coisas logo de cara, sabemos quem são as sereias ou syrenas, como a autora cita, sabemos que elas querem a personagem principal e a vidinha da personagem principal tem pouco drama para importância que é dada.

Mas o pior foi quando os personagens simplesmente revelam tudo, assim de mão beijada para nós, como se tivesse tomando um café e contasse o grande segredo e isso ocorre mais ou menos na metade do livro, então a partir daí eu não foquei mais quanto poderia ter feito. Perdeu muito da graça e estava esperando para saber qual seria esse primeiro desfecho, já que o livro é uma série.

Acho que a autora tinha um potencial bacana, simplesmente porque ela tocou em um ponto da mitologia que quase ninguém fala, mas não soube aproveitar, aí a coisa virou mais do mesmo, infelizmente. Não estou muito animada para o próximo livro, mas até sair por aqui pode ser que volte a querer dar uma chance.


Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais<<<
FORMSPRING || TWITTER || FEED || FACEBOOK || YOUTUBE || TUMBLR || CONTATO 



Share:

0 comentários