POISON BOOKS - Shadowspell (Jenna Black)

Em 13 fevereiro 2012

Autor: Jenna Black
Tradutor: Cristina Tognelli
Editora: Universo dos Livros
Publicação: 2012
Páginas: 279                                                                                  
Capítulos: 28
Série: Sim
Temas: Juvenil, Fadas
SINOPSE - Magia, ilusão, ameaças... Dana descobrirá o preço da liberdade O reino de Avalon nunca mais será o mesmo. Um grupo de caçadores bárbaros liderados pelo poderoso Erlking está a caminho do reino e promete causar a destruição total do único lugar em que humanos e feéricos convivem em harmonia. Porém, nem tudo está perdido. Dana Hathaway, uma faeriewalker com a capacidade rara de viajar entre os dois mundos e a única pessoa que pode levar magia ao mundo humano e tecnologia ao reino de Faerie, é obrigada a selar um pacto sombrio com o Erlking, que pode colocar a perder todos os seus poderes, deixando-a vulnerável perante um inimigo sedutor. Magia, sedução e muito suspense estarão presentes na vida de Dana, que nunca mais será a mesma...


>>> OUTROS LINKS <<<

>>> ONDE COMPRAR <<<

PRIMEIRA FRASE DO LIVRO<<<
“Sair com o namorado tendo um guarda-costas a tiracolo é uma droga.”

RESENHA <<<
Esse é o segundo livro da série Faeriewalker, para acompanhar as aventuras e desventuras de Dana, clique na resenha do livro anterior:

Apesar de no primeiro livro eu ter gostado da personagem, mas ter horas que a mesma estava me dando nos nervos, continuei com o livro 2 da série. A capa não é a mesma da americana, mas ela continuou com os brilhinhos e traz uma figurinha – um cervo – que só vamos entender lá pelo meio do livro.

A Dana é uma personagem bem louquinha, sabe dos problemas mas mesmo assim quer enfrentar, como se qualquer coisa ruim fosse responsabilidade dela, mas desde que ela chegou à Avalon e descobriu ser uma faeriewalker, as duas cortes estão de olho nela, e nesse livro acabamos descobrindo que na verdade todo mundo está de olho nela.

Há um acontecimento que rege todo o livro e depois que ele acontece começamos a ver Dana improvisando jeitos loucos de sair de seu esconderijo secreto nas montanhas para tentar resolver, e é aí que as confusões começam, ela mete muitas vezes os pés pelas mãos (ela já fazia isso no livro 1) e como não pode contar a burrada que fez, ela fica se martirizando, mesmo que seus poucos amigos tentem ajudá-la.

Os personagens que no livro anterior apareceram mais, dessa vez ficaram para escanteio. Principalmente a melhor amiga, Kimber e o guarda-costas dela, Keane. Não que eles não apareceram, mas eu esperava muito mais, até porque a relação dela com Keane começa a ser mais intensa, já que os treinos aumentam. Já com ‘namorado’ dela, o Ethan a coisa ainda continua confusa.

Eu gostei do desfecho, gostei do vilão. Ele é simples, direto e reto. Mas ao mesmo tempo teve um mistério do que ele realmente quer com a Dana e o porquê. E depois que as coisas são reveladas, eu só ficava, Ai Meu Deus, o que essa menina burra fez!!!

Estou bem mais ansiosa pelo livro 3 do que estava para esse. Acho que a autora conseguiu dar um rumo positivo na história e deixá-la mais atrativa para o público.


Quer saber dos venenos do blog? Acompanhe as redes sociais <<<

Banners Arqueiro