BOOKS || Amanhã, Quando a Guerra Começou (John Marsden)

Autor: John Marsden
Editora: Fundamento
Tema: Juvem-Adulto, Guerra
Livro #1 - Saga Amanhã
O que você faria se descobrisse que todo o mundo que conhece deixasse de existir da noite para o dia? Ao voltar de uma semana de acampamento, Ellie e seus amigos descobrem que a cidade em que viviam foi invadida por um inimigo desconhecido. Suas famílias foram aprisionadas e uma guerra está acontecendo em seu país. Agora, eles estão sozinhos em uma cidade sitiada, lutando para descobrir o que aconteceu com seu país e tentando sobreviver. AMANHÃ é história de uma aventura extraordinária em tempos extraordinários, em que esconderijos, explosões e fugas passam a fazer parte da rotina desse grupo de amigos. Sozinhos e sem ter para onde ir, Ellie e seus amigos vão precisar de toda a coragem e ousadia para sobreviver.
PRIMEIRA FRASE DO LIVRO:
“Só faz meia hora que alguém – acho que foi a Robyn – sugeriu que a gente anotasse tudo que aconteceu.”

RESENHA:
Antes de começar a ler essa série, todo mundo falava tanto e tão bem, que eu pensei, Como ainda não li essa saga? Afinal a mesma já se encaminha para o final (ao que me parece são 7 livros e mais 3 spin-off). Mas o que mudou foi realmente quando alguém me disse que tinha visto o filme e estava bem parecido com o livro (o que é difícil de acontecer, diga-se de passagem).

Então lá fui eu ler antes de ver o filme pois não gostaria que acontecesse a mesma coisa do ‘Desculpa Se Te Chamo de Amor/Lição de Amor’. E o que eu posso dizer? É que esta saga não me conquistou tanto assim.

Ela não é ruim, tem uma temática interessante, falando sobre o que alguns jovens e pessoas normais poderiam fazer se seu país entrasse em guerra e como ficamos no meio disso tudo. Quando falava dos bichinhos mortos eu fiquei com dó no coração, gosto muito de animais e recentemente acabei perdendo o meu =/.

A descrição é um pouco confusa no início, mas aos poucos pega o ritmo e vamos entendendo cada personagem envolvido, seus dramas, medos, desejos e afins e vibramos com eles. Quem escreve a história é a Ellie, por isso todos os acontecimentos são na visão dela.

Algo que me deixou muito irritada ao longo da história é não saber onde se passava exatamente a história. Tudo bem que não fiquei lendo com calma a biografia do autor e alguns detalhes, mas quando começou a falar que os Estados Unidos não iria ajudar/não queria se meter e nem a Inglaterra, eu me pegava pensando, onde diabos essa história se passa? Aqui vai sua resposta >> Na Austrália.

Um dos pontos positivos é a real situação dos personagens, poucos livros conseguiram chegar nessa mistura de sentimentos e ser tão real. Os personagens estão com medo e percebemos isso. Eles começam a se apaixonar e se perguntam se isso é correto numa época de guerra. Eles não são esportistas e ficam se perguntando sobre escaladas, traçando estratégias e outras coisas. Realmente eu consegui ver a ‘alma’ dos personagens, isso merece ser destacado.

Apesar de ser uma série relativamente longa, ela já quase toda publicada por aqui e o filme (que eu acho que saiu direto para as locadoras =/) poderia ajudar a dar um ‘up’ e fazer o pessoal ler. Confesso que não fiquei empolgada para continuar a série. Foi daqueles livros que cheguei no último capítulo, fiquei satisfeita de ter lido mas não me fez continuar.

Como quero ver o filme e saber se foi bem retratado, de repente me anima para ir em frente e saber mais de Ellie e seus amigos e como vai acabar a guerra, e saber dos amigos e tudo que começa a ser discutido no primeiro livro.

Share:

0 comentários