POISON BOOKS - A Morte do Cozinheiro (Allan Pitz)

Autor: Allan Pitz
Editora: Above
Publicação: 2010
Páginas: 79
Capítulos: 10
Tema: Romance, Lit. Nacional

RESENHA DA CONTRA-CAPA:
A Morte do Cozinheiro é o primeiro romance ficção de Allan Pitz, e o primeiro livro com distribuição no Brasil. O maior orgulho nesse trabalho em questão foi a composição dos personagens, a visão distorcida do protagonista, e o ritmo alucinado que recorta e reúne a trama desde o início (vai numa leitura só). Ciúme machista, psicose, egoísmo, depressão, derrota exaltada, esse é o universo nublado de Luiz Aurélio, esse é o ponto chave para a história mais original e esquizofrênica de 2010.





RESENHA:
O que é o amor para você? Algo que às vezes pode ser um tanto obsessivo? Ou algo que nem sempre damos importância? Ou você fica tão cego e surdo, que parece não ouvir nada do que ninguém diz?

Neste livro do autor nacional Allan Pitz, o amor tem grande importância para o personagem principal, se bem que o tipo de amor que ele tem, eu quero distância...rs.

O livro nos conta porque Luiz matou o cozinheiro Lucas. E logo nas primeiras linhas ele já começa dizendo isso. E a história começa de trás para frente. Ele vai nos contando sobre ele e Carmen (a mulher que o deixa) e como esse amor dos dois se transforma de algo bonito para algo um pouco mais assustador.

A história conta sobre o romance de Luiz e Carmen, como eles se conhecem. Os problemas e dilemas que passaram durante o namoro e depois no casamento. As brigas das famílias e sobre cada um deles. Até o momento critico: eles se separam e Luiz não supera isso.

Luiz não consegue entender porque Carmen o deixou e o pior acontece. Ela começa a namorar novamente, um sujeitinho (na opinião de Luiz) que não merece ser amado por sua bela Carmen. Boatos estranhos sobre o casal são ditos e alguns rumores chegam ao ouvido de Luiz. Eis que seu desejo de vingança começa. Ele precisa ter a mulher que ama de volta.

É nesse momento que a coisa esquenta, afinal, rumores estranhos, sentimento de vingança e um amor meio obsessivo é um prato cheio para desgraça. Que é exatamente onde o livro começa – com a morte de Lucas.

Ao longo do livro, percebemos que Luiz é alguém de contraste. Numa hora parece que está tudo bem e de repente se revolta. E aí, ele vai contando como e porque ele começou com a ideia da morte do cozinheiro.

O final foi bem surpreendente. Ao longo de todo livro queria entender exatamente o porque da morte do cozinheiro, e a medida que mais informações foram sendo reveladas custava a fazer certas ligações por não querer acreditar que seriam possíveis. (sim, meu lado CSI estava em baixa). Não imaginava o que li nas últimas linhas. Fiquei com varias teorias louca na cabeça. Realmente vale a pena. Pena que é fininho =/

E fiquem ligados que em breve vai rolar promo dele no blog =)

E o que você acha/achou deste livro?? Deixe seu veneno, ops... opinião =)

Venenoso 


Preços:                                                        
Above Publicações – R$ 9,90
31

Share:

8 comentários