POISON BOOKS (Em Off) - Bad Blood + Oh My Gods


Ultimamente têm surgido muitas sagas de vampiros, umas bacanas e outras nem tantas. Mas como essa coluna mostra o que rola lá fora e que pode vir por aí (se as editoras brasileiras um dia pensarem em nós e acharem que merecemos).

Essa semana vou falar de dois livros bem bacanas, um deles é o quarto da saga (sobre vamps) e o outro foi uma ótima surpresa quando terminei de ler.

Para começar, Blood Coven 4 – Bad Blood da Mari Mancusi. Para quem não conhece nada da saga rola o resuminho mas abaixo. Mas nessa sequencia, as gêmeas vão tentar ver o pai em Las Vegas. Na verdade Sunny não está nada satisfeita que seu namorado vampiro, Magnus está prestes a ficar enamorado de uma vampira aprovada pela Blood Coven e isso deixa nossa protagonista pirada, afinal quem gosta de saber e ver seu namorado com outra? Mesmo quando ele diz que a ama?

Mas Sunny está convencida que a vampira esconde algo e está tentada a ir até o fundo da história para descobrir a verdade, jogar na cara de Magnus e salvar a Blood Coven... parece fácil né? Mas imagina quando um gatinho entra na jogada? E ele não é vampiro, tá caidinho por ela... e???? Pode rolar um triângulo amoroso?!!

As “férias” de Rayne e Sunny na cidade dos cassinos será desafiadora e bem louca, afinal com as irmãs gêmeas tentando descobrir como salvar a Blood Coven e tentando nãos e meter em mais confusão do que já se metem, bem não tem como resistir.

Comecei a ler essa saga depois de “fuçar” pela net e li os 3 primeiros muito rápidos, praticamente um atrás do outro. Acho que se deve ao fato da autora escrever ao nosso estilo. Tem partes que parecem mensagens de MSN ou no blog de uma das meninas. Além de todas as gírias que usamos (bem os americanos usam...rs), mas a leitura se torna rápida e divertida. E quando você percebe já está no final do livro.

A única coisa que me irrita um pouquinho é que uma das protagonistas é muito insegura, as vezes fica chato. Menina, você tem um namorado vampiro que te ama deixa essa insegurança de lado e borá ser feliz. Com certeza me identifico mais com a “gêmea má”, a Rayne. Que está sempre botando para quebrar, seja nas atitudes ou no estilo – não estou nem aí para você – gosto muito.rs

Para saber mais:
Autora: Mari Mancusi
Livros: 1 – Boys That Bite
             2 – Stake That!
             3 – Girls That Growl
             4 – Bad Blood
Sinopse livro 1:
Mamãe vai querer me matar se descobrir que eu estou me transformando em um vampiro... 

Bom, tecnicamente não pode por que eu sou imortal... Bom, tudo bem, ainda não. Deixe-me explicar. Meu nome é Sunshine Mcdonald e devido ao pior dos casos de confusão de identidade com a minha irmã gêmea gótica, Rayne, fui parar em um clube noturno chamado “Club Fang” onde Magnus, um vampiro que é muito, muito gostoso, acabou mordendo o meu pescoço inocente em vez do dela. Agora, se eu não agir a tempo, Magnus será meu companheiro de sangue para sempre e estarei condenada a ser uma bebedora de asquerosos goles de sangue, pálida e inimiga da luz do dia. Acreditem em mim, as mordidas de vampiro são coisa séria! 

Depois do lamentável assassinato do líder dos vampiros, compete a minha irmã e eu, e a Magnus, encontrar a única coisa que pode resolver o meu problema: o Santo Graal. Não é brincadeira. Realmente tenho a esperança de sair disto a tempo, por que de alguma forma isto coincidiu com o baile de formatura o qual se supõe que eu irei com o garoto mais lindo e popular da escola, Jake Wilder. E eu não quero ser uma vampira para então... e muito menos para o resto da eternidade.

Venenoso


Já o segundo livro se revelou uma delícia de ler após as primeiras páginas. Vocês sabem que eu amo Percy e mitologia grega e eis que comecei a ler Oh My Gods achando que seria um Percy Jackson de saias. Mas eu estava enganada. A leitura é super divertida e completamente diferente do nosso querido amigo.

A mitologia grega entra em cena dessa vez de um jeito diferente. Sem monstros ou missões suicidas. Sem saber que você nasceu parte deus. E o melhor de tudo, se passa na Grécia!!! AmoMtoTdIsso =)

 A história começa quando a mãe de Phoebe retorna da Grécia com uma novidade bombástica!!! Ela vai se casar novamente. Até aí tudo bem, mas você vai precisar se mudar para uma cidadezinha grega no meio do nada. Ficar longe de suas amigas, seus sonhos de cursar a faculdade e o pior, ter uma meia-irmã como brinde.

Isso é a morte para Phoebe, afinal quem quer ir embora para algum lugar que nunca ouviu falar? Mas ao chegar lá, as coisas não são bem como ela imaginou. A ilha é povoada por descendentes dos deuses. Isso mesmo. Os grupos na escola são divididos assim também. Os mais bonitos – filhos de Afrodite, os “bad-boys” – Hades. Isso por si só já é um tormento, agora imagina quando você a única que não é parte deus e não pode fazer magia.

As cenas em que todo mundo “zoa” com ela são bem hilárias. E as brigas com a meia-irmã também. Não tem tanta história como em Percy, neste livro Tera Lynns Childs explora mais o lado adolescente e como seria pertencer numa escola se os deuses gregos ainda existissem.

O livro é divertido, envolvente e mesmo que os capítulos sejam enormes, você não sente isso. Porque a história dá tantas voltas e quando você acredita que seja por um motivo, acaba sendo por outro. Faz querer ler mais um e mais e de repente. Puff, ele acabou.

Agora indo para a continuação dessa saga (sorte que por enquanto são apenas dois livros), já que o final foi bem surpreendente para mim. E quero ver o que pode acontecer no livro 2. Tirando os 2 livros, rola 2 contos (que dá para baixar/ler no site da autora).

Para saber mais:
Autora: Tera Lynn Childs
Livros: 1 – Oh My Gods
             2 – Goddess Boot Camp
Sinopse livro 1:
Uma comédia moderna em uma escola cheia de descendentes de deuses gregos. 

Quando a mãe de Phoebe retorna da Grécia com um marido novo e os leva para uma ilha no Mar Egeu, os planos de Phoebe para seu último ano e temporada de corrida vão por água abaixo. Agora ela precisa frequentar a academia superexclusiva, onde a admissão depende de pedigree, ou seja, a ascendência de Zeus, Hera e outros deuses gregos. É isso mesmo, eles são reais, não mito, e seus descendentes adolescentes são como os heróis clássicos - Superlegais e Superlindos com superpoderes. E agora eles estão na sua equipe de atletismo! Armada somente com seus tênis Nike e a vontade de vencer corridas, Phoebe precisa encontrar seu lugar entre os deuses.

Venenoso


E o que você acha/achou deste livro?? Deixe seu veneno, ops... opinião =)
44

Share:

8 comentários