POISON SERIES - Kdabra

Desta vez vou falar de uma série que está dando o que falar...rs, pelo pôster você já sabe que se trata de Kdabra com o ex-integrante do RBD, Christopher von Uckermann. Aí você me pergunta, porque está dando o que falar?? Porque a FOX Brasil fez uma mega propaganda desta série e pelo que eu andei sondando da série, posso dizer que ainda não emplacou.

Comecei a ver essa série por 2 motivos – 1 porque era em espanhol e estou fazendo curso da língua e me ajuda a tentar entender e 2 porque a propaganda da FOX foi enorme e me deixou curiosa.

A ideia é boa, sim!!! Mas.... tem sido uma mega viagem... apesar de já estarmos no episodio 8 eu quase que afirmo para vocês, que ainda não entendi para o que a série veio, uma mistura de mágica, um lado religioso, sinais estranhos e gente feia (sim, tem muita gente feia/estranha nessa série – #TáFalei)

Uma seita que parece pertencer a igreja e no qual o rapaz Luca (personagem do Christopher) parece ser o centro das atenções, ele tem uma “doença” que faz com que ele pareça estar morto – Catalepsia Patológia/Narcolepsia (Poison é cultura, mesmo que bizarra) e por isso foi criado uma comunidade inteira para proteger o menino, pois ele é importante para a ordem.

O pai o mantém cercado com pessoas de confiança no qual Luca acredita serem seus amigos, mas todos estão enganando o menino a mando do pai dele. Ou seja, ele quer sair da comunidade, conhecer o mundo, viver a vida. Até aí parece simples e até meio bobo, certo? Mas a loucura começa quando o paralelo com o cassino Magestic começa, onde há outros personagens da série, o mágico René, Jazmin (que eu ainda não entendi de onde ela surgiu e com quem quer ficar) e Blas, dono do cassino.

René e Blas já foram sócios, mas agora eles possuem uma relação um tanto estranha devido a uma mágica de René ter dado errado no passado e Blás o tormenta com esse pesadelo desde então. E junto com os mágicos tem a guanguezinha “maligna”, aspirantes a mágicos que usam o momento de distração da mágica nas ruas para roubar os pertences das vitimas.

E o grand-finale, o ex-austronauta que quando estava em missão viu um estranho símbolo cair na Terra e o procura desde então, indo parar na comunidade e começar a descobrir os seus segredos.

Ou seja, uma palavra para resumir tudo? Confuso, muito confuso. Me sinto em Lost, literalmente perdida, são 3 coisas nada a ver (pelo menos por enquanto) que ainda não vimos um fio ou aquele gancho que irá juntar tudo e que nos fará desvendar o mistério de Luca.

Esta tem cara de ser uma série de temporadas curtas, listas na net informam que serão 13 episódios, mas como em televisão tudo pode acontecer, eu continuo assistindo para melhorar meu espanhol, mesmo que eu continue perdida na série. Vamos ver aonde ela irá nos levar.

Para saber mais:
Luca é um jovem de 17 anos que vive numa comunidade fechada, chamada La Orden, com forte influência religiosa, na qual é extremamente protegido por conta de uma doença que sofre, a narcolepsia. Sua habilidade na magia é iniciada ainda na comunidade, onde faz alguns truques que assombram quem está em volta. Conseguindo fugir, Luca conhece alguns mágicos urbanos que utilizam a magia para conseguir dinheiro.

Personagens principais:
Christopher von Uckermann - Luca
Margarita Rosa de Francisco - Ana
Damián Alcázar - René
Maya Zapata - Jazmin
Gonzalo Vivanco - Carlos
Martín Karpan - Trejo
César Mora - Turco
Joaquín Cosío - Blas
Fabio Rubiano - Ignacio
Manuel José Chávez - Pablo
Ana María Aguilera – Karina

Trailler da série:



Nota 






E como sempre depois de apresentar uma série nova, eu faço um feedback da série do mês anterior, se você não leu sobre V – Visitors (clique aqui). Lembro que abaixo pode conter alguns spoilers, caso não tenha assistido ao fim da série, pare e depois volte.

Mês passado eu falei de alienígenas, seres parecidos conosco que aparentemente trazem uma maravilhosa tecnologia e desejam compartilhar com toda a raça humana, lindo né? Sim...senao tivesse um plano maligno por trás de toda essa gentileza.

Essa série foi pequena, apenas 12 episódios (eu amo porque não deixa você ansiosa querendo saber o que está acontecendo), mas vou te contar... finalzinho xoxo. Serio foi uma P.. expectativa e quando vi os episódios finais me perguntei, cadê o final?

Claro que vamos tomando maiores conhecimentos do que a perversa Anna quer fazer com a Terra, seu plano maligno de nos deixar dependentes da “Energia Azul”, todo o brilhante plano psicológico que ela faz para que os humanos fiquem fascinados, isso foi bom, alias ótima tirada, mas o fato da luta do que eles chamam de “Quinta Coluna” foi muito fraco, praticamente temos 4 caras lutando contra toda um exercito de Vs e ainda driblando o FBI, os próprios Vs e o mundo nem aí... Fala sério!!!

Confesso que esperava bem mais da série, mais ação, mais planos interessantes e mais gente se juntando à rebelião, não que fosse metade do mundo, mas somente 4 pessoas, forçou e muito. Ou seja, para a 2ª temporada vai ser preciso uma reviravolta sensacional desta série ou pode ser que corra risco de ser cancelada.

Aproveito e mudo minha classificação de 4 para 3 estrelas.

Nota 


Mês que vem eu volto com uma nova série e falando bem ou mal de Kdabra...rs

E o que você acha/achou desta série?? Deixe seu veneno, ops... opinião =)

Share:

13 comentários