POISON MOVIES - Simplesmente Complicado

Título no Brasil:  Simplesmente Complicado
Título Original:  It’s Complicated
País de Origem:  EUA
Gênero:  Comédia Romântica
Ano de Lançamento:  2009
Estréia no Brasil: 26/02/2010
Estúdio/Distrib.:  Paramount Pictures Brasil
Direção:  Nancy Meyers

SINOPSE:
Jane (Meryl Streep) é mãe de três filhos adultos, dona de um restaurante em Santa Barbara e tem - depois de uma década de separação - uma relação amigável com o ex-marido, o advogado Jake (Alec Baldwin). Mas, quando Jane e Jake vão à formatura do filho, as coisas começam a ficar complicadas. O inimaginável acontece: começam um affair. O problema é que Jake acabou de se casar novamente e Jane, agora, se vê como a amante. No meio dessa confusão, chega Adam (Steve Martin), arquiteto contratado por Jane, que também está se recuperando de um divórcio. Ele apaixona-se por Jane e logo percebe que faz parte de um triângulo amoroso.

 





RESENHA:
Simplesmente Complicado é o titulo perfeito dessa comedia romântica na qual os grandes atores - Meryl Streep, Steve Martin e Alec Baldwin, na qual a protagonista após anos divorciada é disputada pelos dois atores em questão.

A critica esta dividida, entre um filme totalmente bobo e algo maravilhoso, eu fico no meio, teve momentos bobos e outros bem legais e divertidos, eu ri muito no cinema (o que para uma comédia é mega importante na minha opinião).

O filme traz uma situação que é um tanto comum, pessoas que se casaram voltarem a se entender (ou a redescobrir o sexo, como voce quiser chamar eu aceito...rs), mas a graça está que essa disputa ocorre num momento mais “complicado” da vida, será que poderíamos chamar de “juventude tardia?” rs.

Meryl é Jane, uma mãe de três filhos já grandinhos e divorciada de Jake (Alec) há 10 anos e possuem uma relação um tanto complicada, mas na festa de formatura de um dos filhos ela e o ex acabam se envolvendo e é onde começa a confusão...

Jane passa o filme brigando com ela mesma, afinal é também acha errado ter um affair com um homem casado (Jake é casado com uma mulher bem mais nova e é a qual ele traiu Jane), e no meio dessa confusão toda, entra Adam (Steve), o arquiteto que Jane contrata para reformar a casa e acabam tendo um caso também.

O que eu achei mais graça no filme, é que essa situação – triangulo amoroso – parece não ter idade para acontecer, ou seja, com 15, 20, 40 anos, a situação sempre é engraçada – como ter mais de um pretendente e administrar tudo de modo a não ser pega? E no filme, por ainda ter os filhos, a situação tem uma graça a mais, pois tem horas que voce se pergunta: Ai Meu Deus, será que essas crianças nãos e ligam? rs.

O filme conta do dia-a-dia, de uma vida que poderia ser a de qualquer pessoa na face da Terra, não é um filme cabeça, mas um divertido, para voce se esquecer do tempo lá fora, dos seus problemas, enfim para relaxar e se divertir. Não espere um mega filme ou algo assim. É uma comedia romântica e ponto final.

Eu recomendo voce pegar essa seção no dia que for mais barato o cinema (aqueles dias promocionais – aqui no rio de janeiro costuma ser as quartas, mas o UCI está com promoção nas segundas – assim você não perde tanto dinheiro). O filme é bom, mas não merece um Oscar....rs

Share:

4 comentários

  1. mega curiosa pra ber esse filme!

    ResponderExcluir
  2. Eu estava na dúvida, mas agora vou ter que assitir, mas vou seguir seu conselho, vou no dia mais barato rsrsrsrs
    bjs

    ResponderExcluir
  3. @Lariane
    @Mariana

    vejam sim, é muito divertido, pelo menos rir bastante vocês irão =)

    ResponderExcluir
  4. Já assisti duas vezes esse filme e continuo rindo a beça só de lembrar algumas cenas.
    Adorei... achei um filme perfeito para descontrair, esquecer os problemas e rir muito.
    Bjs!

    ResponderExcluir